keyboard_backspace

Página Inicial

Política

Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, pode ser filiar ao PSD para concorrer à presidência

Leia na Coluna Esplanada de hoje direto de Brasília

Reprodução

Leite em banho-maria

Nem tudo está azeitado para a filiação do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), ao PSD de Gilberto Kassab. O tucano é metódico e, antes de embarcar na pré-candidatura presidencial, quer um “raio x” do apoio interno e das eventuais alianças nos estados. No Sul e Sudeste, o governador gaúcho é unanimidade dentro do PSD. Mas ainda enfrenta resistências de caciques do partido principalmente no Nordeste.

Arestas

Gilberto Kassab, que se reúne hoje com o tucano para retomar as conversas de filiação, promete aparar todas as arestas.

Alternativa

O mote da campanha de Leite – na linha “alternativa à polarização” – já está sendo gestado pelos marqueteiros do PSD.  

Passado

Ex-governador e ex-senador, Roberto Requião já disse que “o PT gosta mais de lotear cargos e do poder”. Pois é ao PT que ele se filia na sexta, em Curitiba, com a presença do ex-presidente Lula.

Fritura  

O presidente da Petrobras, general Joaquim Silva e Luna, sofre na pele o mesmo processo de fritura de seu antecessor, Roberto Castello Branco, demitido do comando da estatal   pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) após sucessivos aumentos no preço dos combustíveis. Sem exceção, líderes políticos aliados do Planalto rechaçaram e colocaram na conta de Silva e Luna a responsabilidade pelo mega-aumento dos preços da gasolina e do diesel.

Insensível

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), é uma das vozes mais críticas à “insensibilidade” de Silva e Luna.  Embora pressionado pela ala política, Bolsonaro – em atitude inusual – dá mais ouvidos aos conselheiros econômicos e, por ora, mantém o general onde está. 

Marielle

Um ato simbólico e uma sessão solene serão realizados hoje na Câmara dos Deputados para homenagear a vereadora Marielle Franco e seu então motorista Anderson Gomes, ambos brutalmente assassinados há 4 anos na cidade do Rio de Janeiro. O executor, Ronnie Lessa, continua numa omertá digna de mafiosos: não entregou ninguém.

Mineração 

Surtiu efeito a pressão de artistas no Senado contra o projeto que libera a mineração em terras indígenas. Mesmo que seja votado na Câmara, ainda sem previsão, senadores de oposição e até governistas já sinalizaram que não vão chancelar o texto.

Inquéritos

A Polícia Federal instaurou 827 inquéritos em 2021 para investigar crimes licitatórios (Lei 8.666/93). Esse é o menor número de inquéritos abertos para esse tipo de crime pelo menos desde 2008, início da série histórica. Os dados foram obtidos pela agência de dados Fiquem Sabendo, com base na Lei de Acesso à Informação (LAI).

Clã 

O clã Roriz, tradicional família política do DF e do Goiás, embarcou no PL de Valdemar Costa Neto e Jair Bolsonaro. A ministra Flávia Arruda (Secretaria de Governo) intermediou a filiação da viúva, filhas e outros parentes do ex-governador Joaquim Roriz.

Desorientado 

Integrantes do Movimento Brasil Livre (MBL) anunciam, nos próximos dias, desfiliação do Podemos, partido de Sergio Moro. Isolados após o escândalo do boquirroto Arthur do Val, ainda não definiram qual rumo vão seguir nas eleições deste ano. 

Carvão

O PSB, a Rede e o Psol entraram com uma ação no STF contra a lei federal 14.299, que prorroga até 2040 os subsídios ao carvão mineral para a geração de energia elétrica. Segundo os partidos, a lei viola normas internacionais, como o Acordo de Paris, e o regime jurídico de proteção ao meio ambiente.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Política

Lei deve multar homens que praticarem violência doméstica em Itapema

A lei visa diminuir os números de agressões em Itapema, garantir proteção às vítimas e punir os autores dos ataques

Política

João Doria desiste da pré-candidatura à Presidência; ‘Com coração ferido e alma leve’

Tucano enfrentava resistências no PSDB e de partidos da terceira via

Política

Lula deve chegar em Santa Catarina para campanha no começo de junho

A viagem de Lula para o Sul do Brasil estava prevista para maio, mas o casamento do ex-presidente modificou a agenda

Mais notícias