keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Maus-tratos: Três atobás são atingidos por arma de chumbinho, apenas um sobrevive

É difícil entender o que leva uma pessoa a cometer uma crueldade dessas

X
Associação R3 Animal

O que três atobás-pardos (Sula leucogaster) resgatados em datas e locais diferentes têm em comum? As três aves não conseguiam voar porque foram vítimas de maus-tratos e precisaram passar por procedimentos cirúrgicos para a retirada de projéteis de armas de ar comprimido, os chamados chumbinhos. É difícil entender o que leva uma pessoa a cometer uma crueldade dessas. Devido à gravidade dos ferimentos, apenas um atobá sobreviveu e segue em reabilitação.

No primeiro caso, o atobá foi resgatado por guarda-vidas, na Praia dos Ingleses, em Florianópolis, pois não conseguia voar e nadar. A ave estava bastante magra e apresentava problemas respiratórios. Um exame de raio-x revelou o motivo de a ave não conseguir voar: a presença de um projétil alojado na musculatura peitoral.

O segundo animal foi resgatado por moradores de Garopaba e entregue à Polícia Militar Ambiental de Palhoça, que trouxe a ave até o pelotão da PMA no Parque Estadual do Rio Vermelho, onde também fica localizado o Centro de Pesquisa, Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos (CePRAM), administrado pela R3 Animal por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS).

A ave apresentava perda de musculatura, provavelmente causada por inanição. Após o exame radiográfico também constatou-se a presença de um “chumbinho” alojado na asa direita.

A terceira ave foi resgatada por pessoas que navegavam próximo às Ilhas Moleques do Norte, em frente à Praia dos Ingleses, em Florianópolis. Assim como as outras, esse atobá também estava bastante debilitado e possuía um projétil de arma de ar comprimido alojado no corpo. Os projéteis foram retirados, mas, infelizmente, apenas a última ave sobreviveu e segue em reabilitação. Estamos na torcida para que ela consiga recuperar bem e possa voltar ao habitat natural.

Caso saiba ou presencie alguém atirando em animais silvestres, denuncie! Ligue 190. Molestar animais é crime previsto em lei federal.

Ao encontrar um mamífero, tartaruga ou ave marinha debilitada ou morta na praia, ligue 0800 642 3341. Sua ligação pode ajudar a salvar vidas!

Fonte: Associação R3 Animal

Geral

Balcão de Empregos oferece mais de 700 vagas em Itajaí

O candidato deve enviar um e-mail para encaminhamento@itajai.sc.gov.br e informar CPF e o código da vaga desejada.

Geral

Médico é presenteado com galinhas por paciente após cirurgia

O paciente de Álvaro é um idoso, que passou por uma cirurgia de próstata. Ele recebeu duas galinhas em agradecimento ao procedimento, que foi gratuito.

Geral

Homens são presos por tentar assassinar mulher trans em SC

Durante as agressões, um dos homens segurou a mulher pelos braços para que o outro pudesse cortar seu pescoço, relata a PM.

Geral

Porto Belo vacina pessoas com 30 anos ou mais a partir de agendamento

A equipe agendará as pessoas das 13h30 às 21h, durante toda a semana, ou enquanto houver doses de vacinas disponíveis. No momento da vacinação, é necessário apresentar documento com foto.

Geral

Vacinação contra a Covid-19 em São José terá abertura de nova faixa etária

Segue também a aplicação da Dose 2 das vacinas Astrazeneca, Coronavac e Pfizer, que é importante para completar a imunização contra o vírus.

Mais notícias

Segurança

Homem procurado por estupro no Mato Grosso é preso em SC

O homem tinha mandado de prisão decretado e foi encontrado por policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Palhoça.

Geral

Balcão de Empregos oferece mais de 700 vagas em Itajaí

O candidato deve enviar um e-mail para encaminhamento@itajai.sc.gov.br e informar CPF e o código da vaga desejada.