keyboard_backspace

Página Inicial

Brasil

Homem que esfaqueou Jair Bolsonaro já trabalhou em Balneário Camboriú

O ataque aconteceu na tarde de quinta-feira (6)

Adélio Bispo dos Santos, de 40 anos, foi preso na tarde de quinta-feira (07) após esfaquear o candidato à presidência do Brasil pelo PSL, Jair Bolsonaro durante um ato de campanha em Juiz de fora. Informações do Jornal O Globo dizem que Adélio já trabalhou em Balneário Camboriú como servente de pedreiro, inclusive movendo uma ação trabalhista contra a empresa da cidade catarinense. Perguntado sobre o motivo de ter esfaqueado o candidato, Adélio contou que “agiu a mando de Deus”.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Brasil

Florianópolis, Palmas, Rio de Janeiro e Vitória podem ativar o 5G

Decisão do Gaispi permite que antenas de quinta geração entrem em operação nas quatro capitais

Brasil

Dia dos Pais: entenda origem da data no Brasil e no mundo

Comemoração na maioria dos países ocorre em junho

Brasil

Petrobras reduz preços de venda de diesel para as distribuidoras

Preço médio de venda de diesel A terá redução de R$ 0,22 por litro

Mais notícias

Segurança

Prefeito de BC solicita audiência no STJ pra tratar sobre atuação da Guarda Municipal

Só no mês de julho deste ano, a Guarda Municipal de Balneário Camboriú contabilizou 2.925 ocorrências

Segurança

Mãe leva filho para jogar pedras nas casas dos vizinhos

A PM a prendeu em flagrante por maus-tratos