keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Dança Alemã e Circo Piratas Show animaram a manhã de Balneário Camboriú

A Praça da Cultura, no Centro de Balneário Camboriú, é um espaço onde a arte tem espaço garantido

A Praça da Cultura, no Centro de Balneário Camboriú, é um espaço onde a arte tem espaço garantido. Na manhã deste sábado (07) não foi diferente. A pluralidade artística tomou conta da praça atraindo dezenas de moradores e turistas. Além disso, teve feira de artesanato e produtos artesanais.

Colocando a cidade no clima do circuito de festas de outubro, os  Grupos de Danças Folclóricas Alemãs de Estrela (RS), que na sexta-feira (06) se apresentaram em Blumenau, trouxeram um pouco da alegria da Oktoberfest para Balneário Camboriú neste sábado. Com 53 anos de história, é o maior e o mais antigo em atividades ininterruptas no país. Com 420 dançarinos, de 03 a 88 anos de idade, já se apresentou em mais de 700 cidades, dez estados e 14 países.

Em Balneário Camboriú a apresentação ficou por conta da Categoria Casais dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs de Estrela. No centro da Praça da Cultura os integrantes levaram alegria nos passinhos animados ao som do ritmo alemão. Os dançarinos farão mais uma apresentação em Santa Catarina, na Fenarreco, em Brusque. 

Além do folclore alemão, a destemida, corajosa e atrapalhada tripulação da Capitã Valenttina esteve na Praça da Cultura. O Circo Piratas Show arrancou suspiros e gargalhadas do público, durante performances de acrobacias e malabarismo. Os piratas também convidavam a população para participar da apresentação num espetáculo cheio de improviso e integração. A cantora Eulina, que tem público cativo na praça, também se apresentou neste sábado, cantando canções da velha guarda e colocando os idosos para dançar. 

“A movimentação na Praça da Cultura foi surpreendente. Por conta da previsão de chuva ficamos em dúvida se manteríamos a programação, porém por volta das seis da manhã já estávamos recebendo mensagens dos feirantes interessados em fazer a feira e como não estava chovendo optamos em manter a programação. Então por volta das 10h já havia bastante gente na feira, se concentrando nos períodos de apresentação. O movimento foi bom e os feirantes e artesãos ficaram satisfeitos”, relatou o presidente da Fundação Cultural, George Varela.

Cidades

Frigorífico da Grande Florianópolis aproveitava carnes vencidas em produtos processados e embutidos

A Polícia Civil de Biguaçu, na Grande Florianópolis, abriu inquérito para investigar um frigorífico que utilizava carnes vencidas em alimentos processados. O estabelecimento foi fiscalizado e autuado pela Vigilância Sanitária da cidade em uma ação […]

Cidades

Secretaria da Agricultura interdita cultivos de ostras e mexilhões da Ponta de Baixo, em São José

Está proibido retirar e comercializar ostras, mexilhões, vieiras, berbigões e seus produtos, inclusive nos costões e beira de praia dessa área

Cidades

Itajaí é a cidade com os imóveis de maior valorização do Brasil

Variação mensal do preço de venda de imóveis residenciais foi de 1,56% em março

Cidades

Prefeito de Itapoá visita Porto Belo para conhecer Leis e Projetos

O objetivo da visita foi conhecer os projetos futuros e obras custeadas por outorga onerosa, regulamentada em Porto Belo através da Lei Complementar 42/2012

Cidades

Audiência Pública discute LDO e PPA em Porto Belo

A Lei de Diretrizes Orçamentárias, - LDO, estabelece as metas e prioridades da Administração Pública para o exercício financeiro seguinte, orientando a elaboração e execução do Orçamento

Mais notícias