keyboard_backspace

Página Inicial

Brasil

Bombeiros de SC ministram aulas em curso nacional de busca com cães

A formação tem como objetivo capacitar bombeiros militares de todos os estados para desenvolver o serviço de busca resgate e salvamento com cães, bem como potencializar as ações de resposta no atendimento a ocorrências

Divulgação

O primeiro curso interinstitucional de Busca, Resgate e Salvamento com Cães, promovido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, com organização do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (Ligabom), ocorreu entre 26 de abril 11 de maio. Realizado em Cáceres (MT), o treinamento contou com a participação de bombeiros de 14 estados, incluindo Santa Catarina.  

A formação tem como objetivo capacitar bombeiros militares de todos os estados para desenvolver o serviço de busca resgate e salvamento com cães, bem como potencializar as ações de resposta no atendimento a ocorrências. Tendo em vista que a utilização dos binômios (dupla entre bombeiro militar e cão de busca) é cada vez mais frequente e efetiva em situações de desastres, a especialização dos militares se torna cada vez mais imprescindível.

A primeira edição do curso contou com 31 alunos de 14 unidades federativas diferentes. Os alunos foram bombeiros militares do Acre, Amazonas, Amapá, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Piauí, São Paulo, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima e Tocantins, além de nove cães farejadores nas atividades práticas.

Instrutores e cães do CBMSC

05

Para ministrar as aulas, foram selecionados bombeiros militares de todo o país que possuem vasta experiência na área. Seis integrantes e três cães são do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC). No início do curso, participaram como instrutores o capitão Alan Delei Cielusinsky, falando sobre mecânica de odores, noção de busca terrestre e princípios de busca urbana; e o soldado Josclei Tracz, que possui a formação em veterinária, ensinando sobre primeiros socorros caninos, além da manutenção e criação.

Na sequência estiveram o major Clemente Stähelin Michels, com o cão Chewbacca; e também o sargento Jacques Douglas Romão, com o cão Bravo, que instruíram sobre busca rural, inclusive com demonstrações em campo. O foco é garantir aos alunos noção de como conduzir um cão e qual o resultado se espera de um cão pronto para emprego operacional.

O major Michels e o Chewbacca também fizeram parte da equipe de instrução em deslizamentos, junto com militares do Mato Grosso e Minas Gerais com larga experiência em grandes desastres. Já o Cabo Ronaldo Fumagalli ministrou a disciplina de busca por restos mortais, junto com o cão Hunter. Durante as aulas foram explicados os diversos fatores que influenciam na decomposição do tecido humano e como influenciam em uma operação real.

O tenente-coronel Walter Parizotto, presidente da coordenadoria de Busca, Resgate e Salvamento com Cães do CBMSC, também esteve presente no curso como instrutor, trazendo mais de vinte anos de experiência sobre aprendizagem e condicionamento canino.

A próxima edição deste curso, será em Santa Catarina, no mês de agosto, em Xanxerê.

04

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Brasil

Presidente Bolsonaro sanciona MP que torna Auxílio Brasil de R$ 400 permanente

Desembolso anual do governo deve chegar a R$ 90 bilhões

Brasil

Bebê de um ano é encontrado vivo dentro de buraco depois de dois dias desaparecido

O menino desapareceu no domingo (15) e a mãe registrou o desparecimento 24 horas depois

Brasil

Eclipse total com ‘Lua de sangue’ poderá ser visto de todo Brasil neste domingo

Lua de Sangue triplamente especial será visível hoje de todo o Brasil

Brasil

Mega-Sena deste sábado tem prêmio estimado em R$ 35 milhões

A aposta simples, em que o jogador escolhe seis dezenas, custa R$ 4,50

Brasil

“O Aleksandro morreu, não morreu?”; as primeiras palavras do sertanejo Conrado após acordar de coma

Conrado segue internado na UTI do Hospital Regional de Registro, em São Paulo

Mais notícias

Segurança

Jovem de 19 anos morre após capotar o carro e cair em córrego

A vítima teve o corpo parcialmente lançado para fora do carro

Segurança

Jovem é encontrado morto em calçada com a boca cheia de terra

Segundo informações, o jovem foi encontrado em uma calçada, inconsciente e com sinais de espancamento na cabeça