keyboard_backspace

Página Inicial

Política

Wilson Witzel recorre ao STF para voltar ao governo do Rio

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil A defesa do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, entrou com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para que ele retorne ao governo do estado. Witzel foi afastado por […]

X

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

A defesa do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, entrou com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para que ele retorne ao governo do estado. Witzel foi afastado por uma decisão do ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), na última sexta-feira (31), pelo prazo de 180 dias.

O ministro também impediu que, neste período, Witzel entre em dependências do governo do estado e se comunique com servidores.

Witzel foi afastado durante a Operação Tris in Idem, que também cumpriu 17 mandados de prisão e mais de 80 de busca e apreensão. Segundo o Ministério Público, depois da eleição de Witzel, uma organização criminosa se instalou no governo do estado e loteou secretarias para beneficiar empresários em troca de pagamento de vantagens indevidas.

O MPF chegou a pedir a prisão do governador, mas o pedido foi negado pelo STJ. Witzel nega as acusações e diz que é alvo de uma perseguição política. A Corte Especial do STJ deve julgar nesta quarta-feira (2) o afastamento do governador.

Fonte: Agência Brasil

Política

Carlos Villagrán, o Quico do Chaves, se candidata a governador no México

Villagrán faz parte do partido Querétaro Independiente, criado em 2017

Política

Trump é banido do Facebook e Instagram um dia após invasão no Congresso dos EUA

A exclusão pode ser prolongada indefinidamente, segundo Mark Zuckerberg, diretor-executivo das plataformas

Política

Eleições da Câmara e Senado movimentam a política em Brasília

Leia na Coluna Esplanada desta quinta-feira (07) direto de Brasília

Política

Vereador Xepa assume presidência da Câmara de Itapema

Mais três vereadores compõem a Mesa Diretora do Poder Legislativo: Wanderley Dias (PSD) como vice presidente; Raquel Josino (PSL) como 1ª Secretária; e Leonardo Cordeiro (MDB) como 2º Secretário

Mais notícias