keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Rozalba Grime pode ser avaliada por psiquiatra de Suzane von Richthofen e do homem que esfaqueou Bolsonaro

Acusada de matar grávida para roubar bebê em Canelinha deve passar por um novo laudo psiquiátrico

X
Reprodução

Rozalba Maria Grime, de 26 anos, acusada de matar a grávida Flávia Godinho Mafra, em Canelinha, para roubar o bebê, deve passar por um novo laudo psiquiátrico antes do julgamento. Segundo o advogado dela, Rodrigo Goulart, assim que o prazo para a defesa, deve ser pedida uma nova avaliação.

Ele afirma ainda que o profissional escolhido pela defesa para conduzir o exame já trabalhou no caso Von Richthofen, com a autora do crime, Suzane, e também no caso da facada contra Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral de 2018, Adélio Bispo. “Temos muito respeito pelo profissional que conduziu o primeiro exame, mas gostaríamos de um novo laudo, com a opinião de só mais um profissional”, alega Goulart.

No dia 27 de maio, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), apresentou as alegações finais do caso. O órgão pede que Zulmar Schiestl, de 44 anos, marido de Rozalba, seja absolvido do caso. Segundo o advogado de defesa dele, Ivan Roberto Martins Jr, a solicitação é que ele “não seja submetido a júri popular, pela farta gama de provas de que ele não participou e não tinha conhecimento algum sobre o que estava acontecendo” Durante a investigação, e após da análise de mensagens e áudios dos celulares dos investigados, a polícia identificou que Zulmar teria sido realmente enganado pela esposa. As informações foram divulgadas pelo portal ND+.

Ele chegou a ser preso e teve a prisão revogada. Segundo o delegado responsável pelo inquérito, Paulo Alexandre Freyesleben e Silva, eram dadas “inúmeras justificativas para que ele não a acompanhasse nos exames, além de desculpas para que ambos não mantivessem contatos íntimos”. Zulmar “acreditava piamente na falsa gravidez” da mulher, conforme o órgão. No dia do crime, Rozalba também teria dado falsas informações ao marido.

Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Relembre o caso

A jovem assassinada estava grávida de oito meses quando foi levada pela suspeita até uma cerâmica desativada, com o pretexto de participar de um chá de bebê surpresa. Segundo a denúncia do Ministério Público, ao chegar ao local, Rozalba usou um tijolo para agredir a jovem, que ficou desacordada. Ela, então, usou um estilete para realizar o parto forçado do bebê, que também ficou ferido.

Na sequência, ela levou a criança até o hospital, alegando que teve um parto às pressas, na rua, e que precisava de atendimento. As lesões da criança chamaram a atenção da equipe médica, que acionou a polícia. A jovem estava desaparecida desde o dia 27 de agosto e o corpo foi encontrado no dia seguinte. Ela foi sepultada no dia 29, em Canelinha, mesmo dia em que a prisão dos então suspeitos foi convertida em preventiva.

Fonte: Com informações do ND+

Segurança

Idosa morre carbonizada durante incêndio em residência

Outros dois idosos que moravam com ela, um homem de 74 anos e uma mulher de 67, escaparam com vida

Segurança

Receita e Anatel apreendem 16 mil aparelhos de “gatonet”

De acordo com a Receita, os aparelhos foram adulterados de fábrica para realizar pirataria de canais pagos, filmes e outros conteúdos restritos.

Segurança

Acidente que causou explosão de motos deixou uma vítima consciente e duas intubadas em Brusque

Foram três vítimas envolvidas no acidente na noite de segunda-feira (14)

Segurança

Operação conjunta entre polícias de SC e SP busca por arrombadores de bancos no Norte de SC

Foram identificadas três pessoas pelo crime. Nesta terça-feira, os policiais recuperaram dinheiro e apreenderam um carro de luxo em Joinville.

Segurança

Vídeo: Polícia apreende quase uma tonelada de maconha dentro de casa em Joinville

A carga, avaliada em R$ 3 milhões, estava escondida em uma residência

Mais notícias

Geral

Unimed Litoral é a primeira operadora no Brasil a receber a certificação em Atenção Primária à Saúde

Além de ser a primeira acreditada no país, a Unimed Litoral recebeu avaliação máxima, com o cumprimento de 100% dos requisitos impostos pela ANS

Política

Bolsonaro vai participar de motociata em Florianópolis em agosto

Segundo informações, ele virá até a capital participar do ato a pedido do senador Jorginho Mello (PL)