keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

PRF prende três pessoas com produtos furtados

Criminosos havia realizado furtos em cidades catarinenses

Policiais rodoviários federais detiveram, às 20h30 quarta-feira, na BR-101 em Joinville, um homem e duas mulheres transportando mercadorias furtadas em um carro clonado. A PRF foi informada que, ao longo do dia, um homem e duas mulheres, utilizando um Renault/Sandero de Ponta Grossa, haviam furtado estabelecimentos comerciais nos municípios de Mafra e São Bento do Sul.
Diante da informação, ao perceberem a aproximação de um carro semelhante, os agentes determinaram a parada do automóvel e verificaram a presença de diversos produtos similares aos furtados no interior do veículo, que era conduzido por um homem de 36 anos, acompanhado de duas mulheres, de 25 e 26 anos.
Durante a abordagem, os policiais também constataram que os sinais identificadores do Sandero divergiam dos sistemas da PRF. Apesar de circular com placas de Ponta Grossa, tratava-se, na verdade, de veículo semelhante originalmente emplacado em Curitiba e roubado na capital paranaense no dia 21 de agosto deste ano.
O trio abordado foi detido e encaminhado à Central de Polícia de Joinville, junto ao veículo e às mercadorias apreendidas. Parte do produto recolhido já foi reconhecido como objeto de furto.

Segurança

Briga de família termina em facada em Brusque

Os policiais encontraram um homem ferido e deitado no chão.

Segurança

Cachorro é morto a facadas na frente de crianças em Ilhota

A pena para maus tratos a animais é de dois a cinco anos de reclusão e multa

Segurança

Mulher que deu à luz a trigêmeos em Itajaí está em estado grave no hospital

Esse foi o primeiro parto de trigêmeos do ano na maternidade do hospital Marieta Konder Bornhausen.

Segurança

Vídeo: Veja o momento do acidente com ônibus que matou 19 pessoas no Paraná

O vídeo foi divulgado originalmente no portal de notícias ND+

Segurança

Traficantes criam esquema para usuários usarem auxílio emergencial na compra de drogas

Pelo menos quatro usuários de drogas usaram parte dos R$ 600 dos benefícios concedidos pelo governo federal para compra de cocaína

Mais notícias