keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Preso homem que matou mulher por não aceitar fim do relacionamento

Policiais civis da Delegacia de Polícia do Município de Guatambu, no Oeste, cumpriram no sábado (29) um mandado de prisão de um homem por feminicídio. O crime ocorreu em 10/11/2021. O inquérito policial foi instaurado […]

Imagem Ilustrativa

Policiais civis da Delegacia de Polícia do Município de Guatambu, no Oeste, cumpriram no sábado (29) um mandado de prisão de um homem por feminicídio. O crime ocorreu em 10/11/2021.

O inquérito policial foi instaurado logo após o fato e o autor indiciado por feminicídio acrescido de motivo torpe, pois não aceitava o fim do relacionamento, tendo atingido a vítima com um tiro, o que causou a sua morte.

A operação contou com o apoio da Polícia Militar. O preso foi entregue no Presídio Regional de Chapecó e ficou à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Vizinhos escutam gritos de socorro e descobrem que homem foi morto com 29 facadas

A vítima levou 29 facadas no corpo, a maioria na região do abdômen

Segurança

Policial mata a irmã a tiros e é presa pelo marido, que também é PM

Rhaillayne Oliveira de Mello, 23 anos, foi presa pelo próprio marido, que também é PM

Segurança

Polícia Civil prende homem que estava foragido por tráfico de drogas em Tubarão

O homem foi preso ainda em flagrante pelos delitos de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo

Segurança

Adolescente ameaça cometer atentado em escola de SC

O jovem é diagnosticado com transtorno mental e foi identificado e medicado

Mais notícias

Segurança

Vizinhos escutam gritos de socorro e descobrem que homem foi morto com 29 facadas

A vítima levou 29 facadas no corpo, a maioria na região do abdômen

Segurança

Policial mata a irmã a tiros e é presa pelo marido, que também é PM

Rhaillayne Oliveira de Mello, 23 anos, foi presa pelo próprio marido, que também é PM