keyboard_backspace

Página Inicial

Coronavírus

OMS afirma que China deve fornecer dados sobre origens da covid-19

Falta de transparência vem sendo criticada por líderes e cientistas

X
Laurent Gillieron/Direitos Reservados/Reuters

O chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS) disse que as investigações sobre as origens da pandemia de covid-19 na China estão sendo prejudicadas pela falta de dados brutos sobre os primeiros dias da disseminação do vírus no local e pediu ao país para ser mais transparente.

Uma equipe liderada pela OMS passou quatro semanas na cidade de Wuhan, na província de Hubei, com pesquisadores chineses e disse em um relatório conjunto publicado em março que o vírus provavelmente foi transmitido de morcegos para humanos por meio de outro animal.

Essa equipe disse que “a introdução por meio de um incidente de laboratório foi considerada um caminho extremamente improvável”, mas países como os Estados Unidos e alguns cientistas não ficaram satisfeitos.

“Pedimos à China que seja transparente e aberta, e que coopere”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (15).

“Devemos isso aos milhões que sofreram e aos milhões que morreram para saber o que aconteceu”, disse ele.

A China tem classificado a teoria de que o vírus pode ter escapado de um laboratório de Wuhan como “absurda” e disse repetidamente que “politizar” a questão dificulta as investigações.

Ghebreyesus informará aos 194 Estados-membros da OMS sobre uma proposta de segunda fase do estudo, disse o especialista em emergências da OMS, Mike Ryan.

“Esperamos trabalhar com nossos parceiros chineses nesse processo e o diretor-geral definirá medidas aos Estados-membros em uma reunião amanhã, na sexta-feira”, disse Ryan.

Fonte: Agência Brasil

Fonte: Visor Notícias

Coronavírus

Jovem que dizia estar ‘muito ocupada para tomar a vacina’, morre de Covid-19

Ela deixa um filho de 2 anos, que tem autismo, e duas meninas, de 4 e 7 anos

Coronavírus

Covid-19: sintomas de longa duração são raros nas crianças, diz estudo

Dos 1.734 positivos relatados na aplicação móvel, apenas 77 (4,4%) ainda tinham pelo menos dois dos três sintomas mais comuns (fadiga, dor de cabeça e perda de cheiro/paladar) após quatro semanas.

Coronavírus

Coronavírus em SC: 97 municípios não registraram óbito por Covid-19 em julho

Os números relacionados à Covid-19 em Santa Catarina, como óbitos e casos ativos, apresentam melhora consistente desde o pico, em março.

Coronavírus

Covid-19: embarcações são isoladas após tripulação testar positivo

De acordo com a nota, o único navio para o qual a Anvisa acionou o plano de contingência para o uso de ambulância, para retirada de tripulantes que precisavam de atendimento hospitalar, foi o Meghna Princess.

Coronavírus

Trabalhadores industriais com 27 anos serão vacinados contra a Covid-19 em Navegantes

Os profissionais da indústria com 27 anos ou mais serão vacinados contra o coronavírus a partir desta terça-feira (3) em Navegantes.  Os trabalhadores industriais podem ser vacinados em oito unidades básicas de saúde: Central, Gravatá, […]

Mais notícias

Coronavírus

Jovem que dizia estar ‘muito ocupada para tomar a vacina’, morre de Covid-19

Ela deixa um filho de 2 anos, que tem autismo, e duas meninas, de 4 e 7 anos

Segurança

Funcionário é achado morto e patrão pendurado na árvore em piquete de gado em SC

Patrão foi resgatado com vida; ele estava todo ensanguentado