keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Necrófilo em série pode ter abusado de milhares de cadáveres durante 12 anos

A polícia já abriu uma linha de ajuda para aqueles que acreditam que os corpos de parentes e amigos podem ter sido violados pelo necrófilo

X
Reprodução

O inglês David Fuller, de 67 anos, que foi julgado pelo assassinato de duas mulheres em 1987 e por ter abusado sexualmente dos corpos, pode ter praticado necrofilia com milhares de corpos durante 12 anos.

Até o momento, foram confirmados os abusos de 99 corpos. Investigadores acreditam que nas próximas semanas possam ser identificadas muito mais vítimas, já que um farto material de fotos e vídeos com abusos foi achado na casa do necrófilo.

O britânico conseguiu passar despercebido com um “passe de acesso total (incluindo o necrotério) ao hospital” público onde trabalhava como eletricista, apesar de ter antecedentes criminais de condenações anteriores por roubo, sobre as quais havia mentido.

A polícia já abriu uma linha de ajuda para aqueles que acreditam que os corpos de parentes e amigos podem ter sido violados pelo necrófilo. Um pacote de 1,5 milhão de libras (cerca de R$ 11,2 milhões) de apoio do governo será oferecido às famílias de vítimas que precisem de apoio psicológico.

David só foi ligado às mortes de Wendy Knell e Caroline Pierce três décadas depois por meio do seu irmão, cujo DNA foi adicionado ao banco de dados da polícia em 2012. Em um teste, o DNA do irmão de David batia parcialmente com o achado na cena dos crimes. Ao testar David diretamente, agentes descobriram que o seu DNA correspondia ao encontrado nas meias de Caroline.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Traficante de SC enviada maconha pelo correio para usuários

A venda ocorria pela internet e a maconha era enviada pelos Correios.

Segurança

Vídeo: Motorista passa mal e cai dentro de rio em Brusque

O homem teve apenas arranhões pelo corpo e foi encaminhado ao Hospital Azambuja

Segurança

Polícia encontra 100kg de maconha escondidos em sacos de ração

A droga era transportada em um veículo furtado há quatro anos e que circulava clonado na rodovia

Segurança

Operação contra grupo que transporta cocaína da Bolívia para o Brasil cumpre mandados em BC, Porto Belo e Bombinhas

Organização criminosa investigada atuava na logística de transporte aéreo de cocaína para facção de São Paulo

Mais notícias

Segurança

Traficante de SC enviada maconha pelo correio para usuários

A venda ocorria pela internet e a maconha era enviada pelos Correios.

Segurança

Vídeo: Motorista passa mal e cai dentro de rio em Brusque

O homem teve apenas arranhões pelo corpo e foi encaminhado ao Hospital Azambuja

Atendente Virtual Visor

Estou disponível, posso ajudar?

openPopup