keyboard_backspace

Página Inicial

Cultura e Lazer

Festa do Divino é declarada Patrimônio Histórico e Cultural de Tijucas

Projeto de autoria do vereador Cláudio do Jornal foi sancionado e agora passa a ser Lei Municipal

Foto: Emerson Leal/Divulgação

Chovia bastante na noite desta segunda-feira (06), mas a comunidade esteve presente na Igreja Matriz de Tijucas para a missa de encerramento da Festa do Divino Espírito Santo. O momento ganhou ainda mais destaque em virtude da formalização da Lei Municipal 2914/2022, que declara a festividade Patrimônio Histórico e Cultural. A entrega de uma placa simbólica foi feita pelo vereador Cláudio Eduardo de Souza, o Cláudio do Jornal (PDT), autor da proposição.

A ocasião era especial, já que simbolizava o sucesso do retorno da festividade, uma das manifestações culturais mais populares em Tijucas, após dois anos de pandemia. O projeto de lei que dispõe sobre a preservação e valorização dessa tradição tijuquense foi proposto pelo vereador Cláudio do Jornal no fim de abril e foi aprovado por unanimidade pelo plenário da Câmara Municipal de Tijucas. Sancionado pelo prefeito Elói Mariano Rocha, o projeto agora tem força de Lei Municipal e eleva a festa à condição de Patrimônio Imaterial tijuquense.

Durante a celebração, padre Elizandro Scarsi ressaltou a importância do legislativo para a conquista. “Quero agradecer aos vereadores do nosso município que aprovaram uma lei que foi apresentada pelo vereador Cláudio, mas, se os outros não tivessem aprovado, não teria ido pra frente. Então agradecemos a todos os vereadores, ao Cláudio que teve a iniciativa de levar esse projeto da nossa Festa do Divino. Somos muito agradecidos. Vocês não estão fazendo para a igreja católica isso, vocês estão fazendo para o município”, salientou.

O vereador Cláudio do Jornal destaca a satisfação em ver sua proposta tornada lei. “Eu sempre participei da festa, em alguns anos fiz parte do império, então é uma felicidade muito grande ver essa tradição devidamente reconhecida. Ainda mais nessa semana de aniversário de Tijucas, é um presente para a cidade. É uma parte importante da nossa história, da nossa identidade e cabe a nós legisladores promover a valorização, a preservação e a continuidade dessas manifestações”, afirma.

Tradição centenária

A Festa do Divino Espírito Santo é uma manifestação tradicional da comunidade católica, com origem no Arquipélago dos Açores, em Portugal, que se espalhou pelo litoral catarinense, com forte colonização açoriana. Tijucas é uma das cidades em que a tradição tem maior representatividade, sendo realizada já há cerca de 130 anos pela Paróquia de São Sebastião

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Cultura e Lazer

Feira Internacional da Música do Sul terá etapa catarinense em Itajaí

Boletim Epidemiológico confirma ainda 211 casos da doença em 2022, uma redução de 40% em relação ao ano passado

Cultura e Lazer

Segunda edição do Bombinhas Blues Festival agita baixa temporada da região

Grandes nomes do blues brasileiro e internacional espalham o ritmo pela belíssima Bombinhas e aquecem o inverno da península

Cultura e Lazer

Balneário Camboriú recebe o festival Mundo dos Vinhos no sábado (25)

Com degustação gratuita de queijos, massas e rótulos de diferentes vinícolas, unidade do Fort Atacadista na rua Acre também terá música ao vivo

Cultura e Lazer

Tradição do Engenho de Farinha atravessa gerações em Itapema

Processo inicia em junho e segue até setembro, produzindo anualmente 13 mil quilos de farinha

Cultura e Lazer

Saragaço: Festa tradicional envolve a comunidade e celebra a pesca artesanal da tainha em Bombinhas

Gincana, apresentações culturais e gastronomia típica prometem agitar a sexta edição do evento

Mais notícias

Geral

Vídeo: Âncora da CNN comete gafe e fala palavrão ao vivo

Internautas não perdoaram e vídeo viralizou na web

Segurança

Homem é preso por descumprir medida protetiva contra a ex-mulher em Gaspar

Ela possuía medida protetiva de afastamento e proibição de manter contato desde o ano passado