keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

CDL Guabiruba homenageia mulheres pela passagem do seu dia

Entidade tem 50% da diretoria composta por mulheres

X
Divulgação

Cada dia mais as mulheres ocupam cargos de destaque e conquistam o seu espaço em todas as áreas. No empreendedorismo e associativismo, não é diferente. Na Câmara de Dirigentes Lojistas de Guabiruba – CDL, elas representam 50% da diretoria.

Para marcar a Semana da Mulher, a entidade traz depoimentos de suas quatro diretoras e da vice-presidente, Rita Comper Llang (52), que é diretora da Loja Perttuti. A empresária iniciou sua história na CDL Guabiruba como fiscal e também já ocupou o cargo de tesoureira.

Para ela, a mulher representa o futuro. “Nós conseguimos cuidar da casa, dos filhos e ainda trabalhar fora.  Para mim, os desafios são  pilares e nos destacamos dependendo da forma que encaramos a subida”, ressalta.

Rita avalia que o mercado é seletivo e a mulher precisa se moldar e saber o que o cliente precisa. “Há pouco tempo fiz um curso digital. Acredito que nos destacamos quando fazemos algo diferente ou sentimos que precisamos acrescentar algo para continuar”, frisa.

A diretora financeira da CDL Guabiruba Margarete Wippel (33) é associada da entidade há dois anos, desde que comprou a Papelaria Só Festas. “Acho importante participar, não somente para o meu comércio,  mas para contribuir com ideias e projetos para todo o comércio local”, enfatiza.

Para ela, não existe diferença de gênero no empreendedorismo. “Temos que ter a visão de igualdade. Claro que anos atrás não era assim, mas agora conquistamos mais espaço, podendo assim, ter independência financeira. Para mim, o maior desafio é fazer com que os consumidores valorizem o comércio local. Pesquisem tanto preço como disponibilidade de produtos primeiramente dentro da cidade, ainda mais agora com queda de vendas por conta da pandemia. Para isso, precisamos sempre nos reinventar, com muito trabalho e dedicação. Sempre dá certo!”, ensina.

A conselheira fiscal da entidade e sócia-proprietária da Guabimat Materias de Construção,
Patrícia Stedile (43), também aposta na positividade em seu dia a dia. Para ela, essa é uma das formas de se destacar no mercado.  “Enfrentamos muitos desafios no empreendedorismo feminino, como jornada múltipla, preconceito e falta de incentivo, mas com positividade e foco no trabalho conseguimos superar. Para alcançar o tão sonhado sucesso na carreira, a definição de objetivos e a liderança são fundamentais”, avalia.

Patrícia diz que abrir o próprio negócio é também uma ação de empoderamento, que traz à tona mais espaço e visibilidade na discussão sobre as questões de gênero. “É por meio do empreendedorismo que muitas mulheres encontram uma forma de se sustentar e ganhar espaço na sociedade”, acredita.

Para a conselheira fiscal da CDL Guabiruba e gerente da loja Schivan, Vera Lúcia Dirschnabel (59) o papel da mulher empreendedora na sociedade é somar e mostrar o seu potencial. “Vejo que cada mulher tem um encanto especial. Para ficar no mercado é preciso inovar sempre e buscar novos clientes”, ressalta ela, que participa da entidade desde a primeira reunião no município. “É muito bom fazer parte da CDL. Sempre aprendo algo”, afirma.  

A suplente Crislaine de Almeida Costa (31) da empresa Guincho Lazão, conta que se associou à CDL em fevereiro de 2019 e se encantou com o acolhimento. “Quando tive a oportunidade de retribuir o carinho não pensei duas vezes e aceitei o convite para fazer parte da diretoria. Sempre farei o meu melhor pela CDL. Sei que assim estarei fazendo por  todo o comércio do nosso município”, comenta.

Crislaine ressalta que a mulher hoje desempenha um papel fundamental na sociedade mostrando que as mudanças são essenciais para o crescimento da humanidade. “Ter uma mulher à frente é ter certeza de que as coisas vão dar certo, independente do esforço, pois uma mulher determinada faz acontecer e supera qualquer obstáculo, como o machismo que ainda está presente na sociedade”, avalia.  

Para ela, a melhor forma de se destacar no mercado de trabalho para uma mulher é ser autêntica, não dar ouvidos a comentários negativos e se aliar a outras mulheres na luta pela igualdade, para tornar o mundo um lugar mais justo e melhor!

Protagonismo feminino

O presidente da CDL Guabiruba, Giovani Ricardo Piaz, ressalta o protagonismo das mulheres na sociedade. Para ele, é uma honra dividir a gestão da CDL com mulheres que fazem a diferença no comércio local. “A CDL Guabiruba parabeniza todas as mulheres neste 8 de março e em todos os dias do ano. Nossa entidade trabalha pela igualdade e pelo fim do machismo social. Agradecemos a todas as empreendedoras por seu trabalho e dedicação”, destaca.

Em Santa Catarina, as mulheres são protagonistas no comércio, seja nos cargos de gestão, ou no quadro de funcionários. É o que  demonstra o levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC) como parte das ações para valorização em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Entre os participantes do levantamento realizado neste mês, 64,1% são estabelecimentos com uma mulher como sócia-proprietária ou majoritária, contra 35,9% de presença de homens no mesmo posto. Em relação ao principal gestor das lojas, a proporção se manteve, com 69,3% dos cargos ocupados por mulheres e 30,7% por homens.


Em 56,2% das empresas consultadas, a maioria dos funcionários é composta por mulheres e em 25% por homens. Outros 13,2% dos entrevistados responderam que a equipe é formada por metade mulheres e metade homens e 5,6% informaram não ter funcionário. Foram consultados 771 participantes de 169 cidades catarinenses, sendo a maioria associados às CDLs.

Fonte: Visor Notícias

Geral

Vereadores catarinenses querem legalizar a maionese verde

O texto tem como objetivo a legalização da maionese caseira em bares, lanchonetes e restaurantes do município de Içara

Geral

MP quer converter pena de prisão de casal que fez sexo no Caixa D’aço em multa e trabalho comunitário

A Justiça deverá marcar uma audiência com os réus para que eles saibam da proposta e para que decidam se aceitam ou não a transação penal oferecida pela promotoria de Justiça

Geral

Restaurante e quadras de futebol são interditados por fiscalização em Itajaí

Durante a ação foram verificadas 14 denúncias e efetuados 11 termos de visita, nove autos de intimação e 14 termos de orientação, sete autos de infração

Geral

Vídeo mostra momento em que obra desaba e deixa operários feridos em Santa Catarina

A Defesa Civil aguarda resultados de laudos do Instituto Geral de Perícias (IGP) para determinar as causas do acidente

Geral

Santa Catarina registra segunda morte por febre amarela

Diagnóstico foi confirmado pelo Lacen/SC (Laboratório Central de Saúde Pública)

Mais notícias

Segurança

Homem é preso por estuprar enteada deficiente por três anos em SC

Os fatos só chegaram ao conhecimento da mãe, pois sua sobrinha que também foi vítima de filmagens realizadas pelo suspeito, relatou os acontecimentos.

Geral

Vereadores catarinenses querem legalizar a maionese verde

O texto tem como objetivo a legalização da maionese caseira em bares, lanchonetes e restaurantes do município de Içara