keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Policiais Militares são denunciados por lesão grave em ação realizada em Mafra

O Ministério Público ofereceu denúncia contra os seis policiais que participaram da ação que resultou em ferimentos graves na perna em uma mulher ao atender ocorrência

X

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) ofereceu denúncia contra os seis Policiais Militares que participaram de uma ação no Município de Mafra que resultou em uma mulher ferida com gravidade na perna. A denúncia foi por lesão grave, crime previsto no Código Penal Militar.

A ação foi ajuizada pela 5ª Promotoria de Justiça da Comarca da Capital, que atua perante a Justiça Militar. De acordo com o Promotor de Justiça Raul Rogério Rabello, o suposto crime foi agravado por ter incapacitado a mulher por mais de 30 dias e por ter sido praticado em serviço e com abuso de poder.

A denúncia do Ministério Público relata que uma guarnição composta por três dos denunciados teria deparado com uma motocicleta suspeita. Ao receber ordem de parada, o motorista teria se evadido e dirigido até sua casa, no que foi seguido pelos policiais.

Em razão dos barulhos ocasionados pelo atendimento da ocorrência, alguns vizinhos foram acompanhar os fatos, momento em que a guarnição solicitou apoio ao COPOM. Mais três policiais chegaram ao local atendendo ao chamado e, devido do tumulto, teriam utilizado spray de pimenta para dispersar os moradores.

Foi, então, dada voz de prisão por desacato a três moradores, entre eles a vítima, que, supostamente imobilizada sem a devida técnica e de forma incorreta, recebeu um golpe em suas pernas e caiu, fraturando o membro inferior esquerdo e lesionando o nariz.

Para o Promotor de Justiça, o policial que atingiu a mulher teria utilizado força desproporcional, ofendendo a integridade corporal da vítima de maneira desnecessária e manifestamente arbitrária. Já os demais policiais teriam concorrido à suposta prática criminosa, inclusive utilizando spray de pimenta contra todos os populares no local, sem motivo justificado, dando guarida à ação um do outro, visto que podiam e deviam agir diferentemente.  

Segurança

Vereador mais votado de Santa Catarina é ameaçado de morte em Joinville

O político de 32 anos é cadeirante e sofre com Amiotrofia Muscular Espinhal (AME)

Segurança

Vizinhos brigam por causa de galinhas e confusão termina na polícia

Uma briga entre vizinhos registrada por volta das 17h deste domingo (22) em Indaial, no Médio Vale do Itajaí, terminou em confusão, agressão grave e chamado à Polícia Militar no bairro Arapongas. De acordo com […]

Segurança

Traficantes são presos com carros de luxo e aparelho de som avaliado em R$ 200 mil em SC

A Polícia Civil realizou a 2ª fase da Operação “Língua Solta”, em Içara, no Sul do Estado, e cumpriu cinco mandados de prisão preventiva e outra sete mandados de busca e apreensão. Foi na sexta-feira […]

Segurança

Vídeo: Baile funk com aglomeração termina com uma pessoa baleada em Florianópolis

Um homem foi baleado durante um baile funk registrado no Morro do Mocotó na manhã deste domingo (22) em Florianópolis. Os disparos teriam ocorrido após uma briga generalizada na saída da festa que, além de […]

Segurança

Acusado de participar de 18 assassinatos é preso se preparando para andar de ‘jet ski’ em Bombinhas

Neste domingo (22), o homem mais procurado do Rio Grande do Sul foi preso na cidade de Bombinhas. O Gordo Dé, como é conhecido, possuía 11 mandados de prisão em aberto. 10 deles são por […]

Mais notícias