keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia Federal combate pornografia infantil na internet

Operação é feita em cinco cidades do estado do Rio

X
Tania Rêgo/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) cumpre hoje (8) seis mandados de busca e apreensão contra suspeitos de produção, posse e compartilhamento de fotografias e vídeos envolvendo abuso sexual de crianças e adolescentes. A operação A Caçada está sendo realizada no Rio de Janeiro, Niterói, Volta Redonda, Macaé e Campos dos Goytacazes.

Policiais federais brasileiros, com apoio da polícia italiana, identificaram uma rede que distribuía, para diversos países, arquivos com imagens de homens e mulheres abusando sexualmente de crianças e adolescentes.

Um dos alvos, em Campos dos Goytacazes, foi preso em flagrante por posse desse material. Os equipamentos eletrônicos, como notebooks, HDs e celulares, serão submetidos a exame pericial para o aprofundamento das investigações, de forma a se identificar vítimas, outros criminosos e crimes praticados.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pelas 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro/RJ, 2ª Vara Federal Criminal de Volta Redonda e 2ª Vara Federal Criminal de Niterói.

Fonte: Agência Brasil

Segurança

Carro de SC que transportava 12 pessoas capota no RS e deixa vários feridos

Dentro do carro, socorristas encontraram cinco adultos e sete crianças, sendo dois bebês

Segurança

‘Tarado da Biz’ que se masturbava em frente as mulheres da região é preso

Homem é casado e assediou oito mulheres em Tijucas e Canelinha

Segurança

Operação conjunta apreende 26 kg de maconha em SC

O condutor relatou que um homem em um Astra contratou o taxista para levar a droga para Concórdia

Segurança

Polícia Civil aponta redução de furtos e roubos de veículos em Santa Catarina

A redução dos índices é resultado do trabalho integrado dos órgãos que compõem o Sistema de Segurança Pública do Estado

Segurança

Jovem é assassinado com cinco tiros em Itapema

Helicóptero Águia da PM sobrevoou bairros de Itapema para tentar localizar os suspeitos

Mais notícias