keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Mulher é presa suspeita de assassinar o ex-marido durante um encontro

A suspeita foi encaminhada ao Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição da Justiça

Divulgação

Na tarde desta quarta-feira (26), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Jaguaruna, prendeu uma mulher suspeita de ter tentado matar o ex-marido. A tentativa de homicídio foi realizada com golpes de faca, durante um encontro ocorrido no dia 7 de janeiro deste ano, em meio a uma vegetação às margens da Barra do Camacho, em Laguna.

A Polícia Civil cumpriu um mandado de busca e apreensão domiciliar e um mandado de prisão preventiva, no Bairro Garopaba do Sul, em Jaguaruna. A suspeita foi encaminhada ao Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Vizinhos escutam gritos de socorro e descobrem que homem foi morto com 29 facadas

A vítima levou 29 facadas no corpo, a maioria na região do abdômen

Segurança

Policial mata a irmã a tiros e é presa pelo marido, que também é PM

Rhaillayne Oliveira de Mello, 23 anos, foi presa pelo próprio marido, que também é PM

Segurança

Polícia Civil prende homem que estava foragido por tráfico de drogas em Tubarão

O homem foi preso ainda em flagrante pelos delitos de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo

Segurança

Adolescente ameaça cometer atentado em escola de SC

O jovem é diagnosticado com transtorno mental e foi identificado e medicado

Mais notícias

Segurança

Vizinhos escutam gritos de socorro e descobrem que homem foi morto com 29 facadas

A vítima levou 29 facadas no corpo, a maioria na região do abdômen

Segurança

Policial mata a irmã a tiros e é presa pelo marido, que também é PM

Rhaillayne Oliveira de Mello, 23 anos, foi presa pelo próprio marido, que também é PM