PF cumpre mandados em Itapema contra desvios milionários de recursos da saúde

Foto: Divulgação

Possíveis desvios de recursos podem chegar a R$ 3 milhões de reais

Foto: Divulgação

A Polícia Federal, com apoio da Controladoria Geral da União e do Ministério Público de Contas do Estado de Santa Catarina, deflagrou na manhã desta terça-feira (07) a Operação “Esculápio”.

Foto: Divulgação

Com vistas a obter provas de possíveis desvios de recursos públicos federais na área da saúde, por meio da prestação de serviços por entidade de assistência social (associação sem fins lucrativos).

Foto: Divulgação

Estão sendo cumpridos 14 mandados de busca e apreensão em endereços localizados nos municípios catarinenses de Blumenau, Ibirama, Itapema, Taió, Massaranduba, Benedito Novo e Rio dos Cedros.

Foto: Divulgação

As investigações tiveram início com relatório de fiscalização elaborado pela Controladoria Geral da União, que identificou, em convênios firmados entre prefeitura municipal da região norte de Santa Catarina e uma entidade de assistência social.

Foto: Divulgação

A entidade conveniada prestaria serviços médicos de clínica geral e ortopedia, no entanto, promoveu a subcontratação de empresas do mesmo grupo econômico, efetuando a cobrança também por atividades de acreditação, fiscalização, consultoria, assessoria, entre outros, que não foram devidamente comprovados.

Foto: Divulgação

Em um segundo procedimento investigativo, após análise da prestação de contas de outra entidade de assistência social, surgiram indícios de ligação entre os mesmos envolvidos e cobrança por serviços de igual natureza, também com suspeitas de não realização, entre os anos de 2018 e 2020.

Foto: Divulgação

Diariamente o Visor Notícias traz conteúdos para você se manter informado. Acesse o site e siga as nossas redes sociais.

Acompanhe o Visor