Balneário Camboriú é alvo da maior operação policial do RS contra tráfico e lavagem de dinheiro

Foto: Divulgação

Investigações apontaram aquisição de imóveis e automóveis de luxo em SC e RS

Foto: Divulgação

As primeiras horas desta terça-feira (19), foram marcadas por intensa movimentação policial para a Operação Kraken, com mandados a serem cumpridos em 38 municípios do Rio Grande do Sul, além dos Estados de Santa Catarina, sendo uma das cidades alvo das buscas, Balneário Camboriú.

Foto: Divulgação

Valores obtidos a partir do tráfico de drogas e crimes patrimoniais (roubos, latrocínios etc.) eram maquiados e investidos de forma empresarial por facção gaúcha que atua no Rio Grande do Sul, parte do Sul do Brasil e possui ligações internacionais. A investigação se concentrou nos crimes de lavagem e ocultação de bens e valores oriundos do tráfico de entorpecentes e alcançou 5 lideranças do grupo criminoso, sendo indiciados pelo pertencimento à organização.

Foto: Divulgação

Ao longo da investigação, no ano de 2021, a 1ª Delegacia de Polícia de Sapucaia do Sul prendeu 102 integrantes da organização criminosa, que atuavam em diversos níveis de comando, desde o chamado vapor, puxador de carro, até alguns gerentes, além disso apreendeu mais de 10kg de entorpecentes e 11 armas de fogo.

Foto: Divulgação

Por meio das investigações foi identificado que a lavagem de dinheiro é altamente sofisticada, com a aquisição de imóveis e automóveis de luxo na capital, região metropolitana e Litoral do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além de aquisições de empresas para conversão de valores, como empresas do ramo mobiliário, automotivo e de metais preciosos.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Diariamente o Visor Notícias traz conteúdos para você se manter informado. Acesse o site e siga as nossas redes sociais.

Acompanhe o Visor