keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

VereadorReconhecido é o novo fenômeno da internet

X

Você sabe o que os vereadores de Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas, Paraná, Goiás, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Pará têm em comum? Eles já integram a primeira e única rede social parlamentar do Brasil, o VereadorReconhecido.com.br. Lançada oficialmente no último dia 18 de julho, a plataforma é uma verdadeira revolução na transparência pública e na valorização das boas práticas legislativas, e foi desenvolvida pelo LeisMunicipais.com.br – o maior portal de legislação da América Latina.

Os expressivos números alcançados pelo novo sistema foram alavancados na última semana, em Brasília (DF), durante o 5º Congresso Nacional de Legislativos Municipais, promovido pela União dos Vereadores do Brasil. Para uma plateia de cerca de 500 vereadores de todas as regiões do país, a plataforma foi tema da palestra “Inovação na transparência pública com a primeira rede social parlamentar do país”, na tarde do último dia 24.

Ao final da palestra, o presidente da UVB, Gilson Conzatti também aderiu ao sistema, e foi imediatamente condecorado com o Brasão da Transparência – que está sendo entregue a cada parlamentar que integra o VereadorReconhecido.com.br. “Fico muito feliz em ver novas ferramentas que trazem mais transparência e modernidade para os vereadores e à sociedade. Estendo aqui o convite para que todos os vereadores do Brasil participem do VereadorReconhecido, pois esta é a única rede social exclusiva para nós, parlamentares, buscarmos mais conhecimento através das informações dos mandatos”, destacou o presidente da UVB.

TRANSPARÊNCIA

Os recordes quebrados pelo VereadorReconhecido com pouco mais de um mês no ar tornam a ferramenta um verdadeiro fenômeno na internet. Tudo isso em razão das ferramentas inéditas e, claro, com a chancela de credibilidade de 17 anos de operações do LeisMunicipais – que atende mais de 1.800 governos brasileiros e está presente em 24 das 27 capitais, contemplando mais de 100 milhões de cidadãos.

“Pela primeira vez na história, os edis brasileiros têm um canal oficial para eternizar todos os seus atos, como projetos de lei, indicações, requerimentos, moções, entre outros”, destacou Cícero Liz, diretor-executivo do LeisMunicipais e idealizador do projeto. Um dos grandes trunfos da plataforma é a disposição das informações legislativas com filtros específicos. “O cidadão pode visualizar apenas os itens de sua preferência, e na cidade de sua preferência. Tudo ao alcance de um clique. Isso também facilita o trabalho dos profissionais de imprensa, pois, agora, as informações legislativas ficam em um só canal. Basta digitar a cidade ou nome do parlamentar”, explicou.

NÚMEROS EXPRESSIVOS

No último dia 23, ao completar 35 dias no ar, o VereadorReconhecido ganhou a adesão de parlamentares de Alagoas e Pará, garantindo presença nas cinco regiões do país. Por ser o primeiro canal oficial a registrar todos os atos oficiais gerados por parlamentares de todo o Brasil, a rede contabiliza (até o dia 29/08) o lançamento de 12.849 atos, entre leis aprovadas, projetos de resolução, indicações, requerimento, entre outros. “É uma média de 311 documentos disponibilizados ao cidadão diariamente, vindos de vereadores de todo o Brasil. E estes números não param de crescer”, comemorou Cícero.

Cidades

SC faz controle de morcegos depois de ataque a animais no Alto Vale do Itajaí

A ação ocorreu após produtores rurais notificarem ataques de morcegos em bovinos

Cidades

Unimed Litoral disponibiliza 150 exames de mamografia para campanha de prevenção

Os exames podem ser marcados a partir de 1º de outubro, em horário comercial, pelo site movimentorosa.org.br

Cidades

Intensificadas buscas por jovem desaparecido em Camboriú após informações “preocupantes”

Segundo informações do Núcleo de Desaparecidos, novas informações levaram às buscas em locais específicos da cidade, inclusive com ajuda de cães

Cidades

Causas do acidente que vitimou jovens na BR-470 serão investigadas

Um inquérito foi aberto nesta quarta-feira (30) para entender os motivos que levaram ao acidente

Mais notícias