keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Três pessoas são condenadas por matar e cortar cabeça de jovem por causa de dívida de drogas

Três pessoas denunciadas pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) foram condenados em Joinville pelos crimes de homicídio triplamente qualificado e destruição e ocultação de cadáver. As penas aplicadas variaram de 19 a 23 anos […]

X
Imagem Ilustrativa/Visor Notícias

Três pessoas denunciadas pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) foram condenados em Joinville pelos crimes de homicídio triplamente qualificado e destruição e ocultação de cadáver. As penas aplicadas variaram de 19 a 23 anos de prisão, em regime inicial fechado. O motivo do crime foram dívidas com o tráfico de drogas comandado pela facção criminosa da qual os réus faziam parte.

A denúncia apresentada pela Promotoria de Justiça da Comarca de Joinville relata que, em 2017, Bruno Borges, Lucas Fernando Krobbel e Mayara Magali Martins, integrantes de uma organização criminosa, planejaram o crime em função de uma dívida oriunda do tráfico de drogas que a vítima, Brendo da Silva, tinha com a facção.

Assim, quando o denunciado caminhava pela rua, foi surpreendido pelo trio, colocado dentro de um carro e levado ao local onde o homicídio foi praticado. Brendo teve os pés amarrados e foi morto com diversos golpes de faca no abdômen, tortura que foi filmada pelos criminosos. Os réus ainda decapitaram o cadáver e tentaram desmembrar braços e pernas, antes de colocá-lo em uma cova.

Conforme sustentado pelo Promotor de Justiça, os réus foram condenados por homicídio triplamente qualificado – pelo motivo torpe, tortura e impossibilidade de defesa pela vítima. Mayara foi condenada a 23 anos e seis meses, Lucas a 19 anos e dois meses e Bruno a 22 anos e dois meses de reclusão, todos em regime inicial fechado. Presos preventivamente no decorrer da investigação – fato que perdurou até o julgamento -, não poderão apelar da sentença em liberdade. A decisão é passível de recurso

Fonte: MPSC

Geral

Balcão de Empregos oferece mais de 700 vagas em Itajaí

O candidato deve enviar um e-mail para encaminhamento@itajai.sc.gov.br e informar CPF e o código da vaga desejada.

Geral

Médico é presenteado com galinhas por paciente após cirurgia

O paciente de Álvaro é um idoso, que passou por uma cirurgia de próstata. Ele recebeu duas galinhas em agradecimento ao procedimento, que foi gratuito.

Geral

Homens são presos por tentar assassinar mulher trans em SC

Durante as agressões, um dos homens segurou a mulher pelos braços para que o outro pudesse cortar seu pescoço, relata a PM.

Geral

Porto Belo vacina pessoas com 30 anos ou mais a partir de agendamento

A equipe agendará as pessoas das 13h30 às 21h, durante toda a semana, ou enquanto houver doses de vacinas disponíveis. No momento da vacinação, é necessário apresentar documento com foto.

Geral

Vacinação contra a Covid-19 em São José terá abertura de nova faixa etária

Segue também a aplicação da Dose 2 das vacinas Astrazeneca, Coronavac e Pfizer, que é importante para completar a imunização contra o vírus.

Mais notícias

Segurança

Homem procurado por estupro no Mato Grosso é preso em SC

O homem tinha mandado de prisão decretado e foi encontrado por policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Palhoça.

Geral

Balcão de Empregos oferece mais de 700 vagas em Itajaí

O candidato deve enviar um e-mail para encaminhamento@itajai.sc.gov.br e informar CPF e o código da vaga desejada.