keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Tatuadora morre após bater carro em poste de energia

Poste se partiu ao meio e caiu sobre o Fiat/Uno

Uma mulher, identificada como Greicy Piccoli, morreu após colidir com o veículo que ela conduzia em um poste de energia elétrica, na madrugada deste domingo (13), em Lages, na Serra Catarinense. O grave acidente de trânsito foi registrado por volta das 5h30, na Avenida Juscelino Kubitscheck de Oliveira, no acesso Norte ao município. O carro ficou completamente destruído. 

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, quando as guarnições de socorro chegaram ao local encontraram a vítima presa entre as ferragens do veículo e o poste que se partiu ao meio e caiu sobre o Fiat/Uno. Por conta da gravidade dos ferimentos, Greicy teve o óbito confirmado no local.  As equipes da Celesc também foram acionadas para auxiliar no resgate do corpo que ficou aos cuidados da Polícia Científica. 

Fonte: ClicRDC

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Vizinhos escutam gritos de socorro e descobrem que homem foi morto com 29 facadas

A vítima levou 29 facadas no corpo, a maioria na região do abdômen

Segurança

Policial mata a irmã a tiros e é presa pelo marido, que também é PM

Rhaillayne Oliveira de Mello, 23 anos, foi presa pelo próprio marido, que também é PM

Segurança

Polícia Civil prende homem que estava foragido por tráfico de drogas em Tubarão

O homem foi preso ainda em flagrante pelos delitos de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo

Segurança

Adolescente ameaça cometer atentado em escola de SC

O jovem é diagnosticado com transtorno mental e foi identificado e medicado

Mais notícias

Segurança

Vizinhos escutam gritos de socorro e descobrem que homem foi morto com 29 facadas

A vítima levou 29 facadas no corpo, a maioria na região do abdômen

Segurança

Policial mata a irmã a tiros e é presa pelo marido, que também é PM

Rhaillayne Oliveira de Mello, 23 anos, foi presa pelo próprio marido, que também é PM