keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Suspeitos de cometer crime brutal em Itapema são presos

Pai de adolescente foi morto com 40 tiros após separar briga da filha

X
Foto: Divulgação /PC

Uma briga entre duas adolescentes foi o estopim para um crime brutal registrado no bairro Ilhota, em Itapema. A vítima é o pai de uma das jovens, que foi assassinado com mais de 40 tiros. Ele foi morto durante a noite de 18 de julho de 2020, após três homens invadirem sua residência para cometer o crime.

No dia do assassinado, as duas garotas tiveram um desentendimento. Durante a briga, o pai de uma delas, foi separar as meninas, quando acabou empurrando a outra jovem, que caiu e sofreu escoriações por conta da queda.

Foi por causa disso, conforme levantou a polícia, que mais tarde, os suspeitos foram até a casa da menina, invadiram o local, e mataram o pai da garota brutalmente.

Segundo o delegado, as investigações continuam no sentido de apontar outros autores e participantes do homicídio em questão. “Com estas informações, a Polícia Civil de Itapema representou ao Poder Judiciário pela expedição três mandados de prisão temporária e um mandado de busca e apreensão”, destacou.

Um dos autores ainda segue foragido. A arma utilizada no crime não foi apreendida.

Segurança

Polícia encerra rinha de galo em Pomerode

A Polícia Militar Ambiental foi acionada, e também o Conselho Tutelar, pois havia uma adolescente no local.

Segurança

Polícia prende casal responsável por laboratório de drogas em Itajaí

A quantidade de MDMA apreendida seria suficiente para produzir cerca de 43 mil comprimidos de ecstasy

Segurança

Motorista embriagado perde o controle da direção e derruba poste

A concessionária de energia esteve no local do acidente para fazer a substituição do poste danificado e fazer o conserto da fiação elétrica

Segurança

Idoso morre degolado dentro de bar em Santa Catarina

A identidade da vítima não foi revelada. A Polícia Civil investiga o caso

Segurança

Turista leva tiro na perna em Florianópolis

A vítima teria ido até a beira da Lagoa para fumar um cigarro, quando sofreu a tentativa de assalto

Mais notícias