keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Startup amplia oferta de serviços digitais para instituições financeiras

A pandemia acelerou o processo de transformação digital em muitos setores e o mesmo ocorreu com as instituições financeiras. Algumas delas tiveram que se adaptar e contar com o apoio de empresas de tecnologia para aprimorar transações e melhorar a experiência de seus consumidores. De acordo com a Pesquisa Febraban de Tecnologia Bancária 2020, em parceria com a consultoria Deloitte, as movimentações bancárias feitas por pessoas físicas pelos canais digitais – internet e mobile banking – foram responsáveis por 74% das operações analisadas em abril. 

A startup Hallo tem como foco desenvolver soluções digitais de relacionamento e engajamento para organizações financeiras, e tem como principal serviço o desenvolvimento de marketplaces personalizados para instituições financeiras. Neste período de pandemia, houve uma maior procura desta ferramenta por bancos, cooperativas de crédito e fintechs, que buscam se tornar algo mais que uma simples plataforma bancária, mas que seja funcional à rotina e vida financeira das pessoas, especialmente para clientes de micro e pequenas empresas, como forma de ajudá-los a enfrentar a crise. Atualmente, a startup Hallo tem em seu portfólio clientes como Stone, Asaas, Unicred, Sistema Ailos, Cresol e Sicredi. “Tivemos um grande aumento na procura pelo incremento de serviços digitais. Diariamente nossos clientes nos informam um crescimento nas vendas dentro de seus marketplaces e querem agregar sempre mais inovações”, avalia o CEO da startup Hallo, Bruno Grahl.

O mercado caminha para uma tendência cada vez maior de serviços digitais ágeis, intuitivos e personalizados. Por isso, a Hallo desenvolve para cada instituição uma plataforma personalizada para a realização de negócios, divulgação de marcas e apoio à economia local. “Com a ferramenta que desenvolvemos, correntistas ou cooperados têm acesso a uma plataforma gratuita de classificados on-line, onde podem anunciar produtos e serviços e realizar pagamentos dentro das opções oferecidas pelo próprio banco, fintech ou cooperativa que possuem conta, como crédito, cartão, empréstimos, QR code, NFC, entre outras. Tudo feito de maneira fácil e prática por meio de um aplicativo ou site exclusivo”, explica Bruno.

Vale ressaltar que esse comportamento de compra on-line deve permanecer mesmo após o período de pandemia. O estudo Observatório Febraban aponta que 30% das pessoas pretendem aumentar as compras feitas via e-commerce pós-Covid. Com isso, a expectativa da Hallo é ampliar o número de clientes, acreditando nesta oportunidade de mercado e também na visão das instituições financeiras em apoiar seus clientes. “Através de nossos clientes vivenciamos relatos incríveis de micro e pequenos empreendedores que estão obtendo ótimos resultados e conseguindo se manter em meio à crise através das plataformas de marketplace que desenvolvemos para a organização financeira. Queremos estimular essa economia colaborativa”, reforça Bruno Grahl.

Todos os envolvidos se beneficiam, uma vez que o banco atrai e fideliza o cliente com mais um serviço oferecido, o cliente que pode digitalizar seu negócio sem precisar gerenciar ou ter que investir num e-commerce próprio, e quem compra pela plataforma, pois terá as vantagens de pagamento da instituição financeira aliada à comodidade e praticidade da compra on-line. Segundo dados da Comscore, divulgados em maio deste ano, os celulares são o método preferido dos brasileiros para acessar os serviços bancários, com 90% dos usuários preferindo essa opção. Além disso, a categoria “Financeiro” está entre as 10 mais procuradas e acessadas, com mais de 106 milhões de usuários únicos.

 

Mais serviços digitais para instituições financeiras

Além dos marketplaces personalizados, a Hallo já ampliou seus serviços de tecnologia e inteligência de dados para novos produtos, também destinados para as instituições financeiras. Segundo Bruno, dois deles merecem destaque: Clube de Vantagens e as assembleias on-line. Houve uma demanda maior para a oferta de Clube de Vantagens como forma de fidelizar usuários às instituições financeiras. A Hallo disponibiliza ferramentas de análise de comportamento do usuário e estatísticas para captar parceiros de maneira inteligente, baseada na necessidade do correntista ou cooperado. Já com as assembleias digitais, recurso usado por cooperativas de crédito, a Hallo atua no desenvolvimento de uma plataforma dedicada para fazer a votação e organização de documentos necessários para promover esses encontros virtuais.

Geral

Caminhoneiro procurado por tráfico de drogas é preso na BR-101 em Itapema

Motorista procurado pela Justiça foi preso em Itapema

Geral

Filas na BR-101 aumentam o custo do transporte de cargas em 30%

Velocidade média dos veículos na rodovia é de 39 km/h, menos da metade dos 90 km/h permitido

Geral

Agência Nacional de Águas inclui Santa Catarina no projeto Monitor de Secas

Monitoramento está presente em cinco regiões e conta com 19 Unidades da Federação participantes

Geral

Mais de 4 mil vagas são oferecidas pelo Sine em todas as regiões de SC

Das vagas, cerca de 88 oportunidades são destinadas às pessoas com deficiência (PCDs)

Cidades, Geral

Com influência do La Niña, previsão é de primavera com chuvas irregulares em SC

Além disso, a primavera aumenta a incidência de temporais

Mais notícias