keyboard_backspace

Página Inicial

Coronavírus

SP: Covas adianta cinco feriados municipais para tentar frear Covid-19

Outra medida é o rodízio de carros noturno a partir do dia 22

X
Movimento no Viaduto do Chá durante a quarentena

Para tentar reduzir os casos de covid-19 na capital paulista e tentar impedir um iminente colapso do sistema de saúde, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anunciou hoje (18) que vai antecipar cinco feriados municipais. Ele também mudou o sistema de rodízio na cidade, que passa a valer para o período noturno, seguindo o toque de recolher estabelecido pelo governo estadual entre as 20h e 5h.

Foram antecipadas duas datas deste ano e três do ano que vem: Corpus Christi (3 de junho de 2021 e 16 de junho de 2022), Consciência Negra (20 de novembro de 2021 e de 2022); além do feriado de aniversário da cidade, em 25 de janeiro de 2022.

Os recessos remarcados começam na próxima sexta-feira (26), e se estendem ao longo da semana seguinte, nos dias 29, 30, 31 de março e 1° de abril, emendando com a Sexta-feira Santa, em 2 de abril, que é feriado nacional. O objetivo da mudança, segundo o prefeito, é “forçar a cidade de São Paulo a parar”.

Morte por falta de leito

A prefeitura tenta impedir que novos casos de mortes por falta de atendimento em hospitais ocorram. Nesta quinta-feira, Covas confirmou a primeira morte na cidade, de um jovem de 22 anos com covid-19, que não conseguiu ser transferido a tempo para um leito de unidade de terapia intensiva (UTI): “São Paulo precisa parar para que não tenhamos mais casos como esses, de pessoas não serem atendidas por falta de leitos.”.

No ano passado, a prefeitura já tinha tomado a mesma medida, antecipando feriados para tentar aumentar o nível de isolamento na capital.

O prefeito alertou a população de que é preciso colaborar e não viajar e nem ir para festas nesse período, sob risco de o sistema de saúde colapsar. “É momento de apertar um pouco mais a nossa vontade de confraternizar para poder pensar no bem coletivo”, disse Covas.

“É o momento mais duro da pandemia. Com uma luz no fim do túnel, que é a vacinação. Se conseguirmos conter casos e internações, vamos atravessar esse momento difícil e aguardar a imunização da população”, completou.

Rodízio

Além da antecipação dos feriados, o prefeito também alterou o horário de rodízio na capital paulista. Os dias e as placas não foram alterados. A partir da próxima segunda-feira (22) e durante duas semanas, o rodízio de carros passa para o período noturno, das 20h às 5h. Antes, o rodízio ocorria entre 7h e 10h e entre 17h e 20h.

O objetivo da medida é evitar que as pessoas saiam para festas: “Vamos mudar o horário de rodízio para valer entre as 20h e 5h, horário do toque de restrição do governo de São Paulo. Vamos somar esforços para que pessoas deixem de circular no horário noturno”.

Fonte: Visor Notícias

Coronavírus

Santa Catarina ultrapassa um milhão de doses aplicadas contra a Covid-19

As doses aplicadas tiveram como foco os trabalhadores de saúde, idosos de 65 anos ou mais, comunidade quilombola, população indígena e pessoas com deficiência institucionalizadas e idosos em instituições de longa permanência.

Coronavírus

SC receberá mais de R$ 20 milhões para Centros de Atendimento Covid

Os recursos destinados para os 99 municípios serão para as competências financeiras de abril a junho.

Coronavírus

Vacinação contra a Covid-19 pode ser agendada de forma online em São José

No site, o cadastro está liberado para todos, porém agora o QR-Code está sendo enviado via Whatsapp.

Coronavírus

SC confirma 45 novos casos da variante brasileira e dois casos novos casos da variante do Reino Unido

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE/SC) reforça que os cuidados de prevenção à Covid-19 devem ser adotados por toda população catarinense para redução da transmissão do coronavírus.

Coronavírus

Santa Catarina ultrapassa 12 mil mortes por coronavírus

Casos de infecção pelo novo coronavírus já foram confirmados em todos os 295 municípios de Santa Catarina.

Mais notícias

Segurança

Homem é preso por estuprar enteada deficiente por três anos em SC

Os fatos só chegaram ao conhecimento da mãe, pois sua sobrinha que também foi vítima de filmagens realizadas pelo suspeito, relatou os acontecimentos.

Geral

Vereadores catarinenses querem legalizar a maionese verde

O texto tem como objetivo a legalização da maionese caseira em bares, lanchonetes e restaurantes do município de Içara