keyboard_backspace

Página Inicial

Animal

Serpentes mais perigosas do Brasil são encontradas em residenciais

Espécies mais perigosas do Brasil: Coral-verdadeira e Jararaca

X
Foto: Divulgação

Consideradas as serpentes mais perigosas do Brasil, a jararaca e coral-verdadeira representam alto risco de acidente por conta da potência de veneno. Algumas dessas espécies, foram encontradas no residencial bairro Novo e em um residencial da zona leste de Porto Velho (RO). A cidade tem registrado o aparecimento de serpentes venenosas em residenciais do município, após o início do período de chuvas em setembro.

Conforme o biólogo Flávio Terassini, depois das chuvas é muito comum o aparecimento de animais peçonhentos em ruas e residências na zona urbana das cidades, principalmente serpentes. Isso porque, a água da chuva acaba inundando a toca onde os animais se escondem, e por isso eles procuraram refúgio e alimentos na cidade.

Segundo o Corpo de Bombeiros, não houve nenhum aumento no número de ocorrências por resgate de serpentes em Porto Velho, e quando há casos, são de aparecimento de sucuris e jiboias, espécies não venenosas. A corporação explicou que, geralmente, a incidência no município se dá mais devido às queimadas do que ao período de chuvas.

Espécies mais perigosas do Brasil: Coral-verdadeira e Jararaca. No Brasil, pode-se diferenciar as espécies de serpentes mais “perigosas” em duas categorias: potência do veneno e frequência de acidentes. A coral-verdadeira, encontrada no residencial do Bairro Novo, possui o veneno mais tóxico de todas as serpentes peçonhentas do Brasil. O envenenamento por ela tem reação neurotóxica, que atinge o sistema nervoso e interrompe todos os comandos dados pelo cérebro. Conforme estudos, após ser picado pelo coral, as chances de sobrevivência são de 50%, com possibilidade de sequelas severas.

Já a Jararaca, encontrada no residencial da zona Leste, é considerada a mais perigosa por risco de acidentes, já que a espécie é caracterizada pelo comportamento arisco de defesa, além de viver em diversos tipos de habitat e ser abundante no Brasil. De acordo com o herpetólogo Willianilson Pessoa, famoso especialista em serpentes, mais de 90% dos acidentes com cobras no Brasil são causados por jararacas.

Como diferenciar a coral-verdadeira da falsa?

Segundo Flávio, não são todas as cobras corais que possuem as cores vermelha, preta e branca. Apesar da característica ser comum na espécie, algumas corais encontradas na região Norte são pretas com anéis brancos, amarelos ou em laranja, como a encontrada no Bairro Novo. É importante ressaltar que as corais são espécies pequenas, podendo atingir até 1,5 metros, o que faz ela ser confundida com espécies filhotes.

Fonte: Visor Notícias

Animal

Mulher leva susto ao encontrar cobra dentro de gaveta na cozinha de casa

Os bombeiros capturaram a serpente e a devolveram à natureza

Animal

Mulher encontra cobra gigante dentro de vaso sanitário de casa; ‘quase sentei’

Acordei às 5h30 para ir ao banheiro, e ela simplesmente estava lá”, contou

Animal

Jararaca albina considerada muito rara é encontrada na rua em SC

Essa foi a primeira vez que a espécie, bastante rara, foi vista na região

Animal

Tartaruga rara de duas cabeças e com seis pernas surpreende veterinários

Filhote de tartaruga com duas cabeças e seis pernas, três de cada lado do corpo, foi exibido por veterinários

Animal

Cobra é encontrada entre copos, talheres e pratos em escorredor de louça; vídeos

Flagrante foi compartilhado no Twitter e viralizou rapidamente, afinal, ninguém quer acordar, tirar a caneca para o café e dar de cara com uma píton enrolada

Mais notícias

Cidades

Vereador Xepa solicita instalação de “bituqueiras” em praias e espaços públicos de Itapema

A indicação sugere que as bituqueiras sejam feitas de Aço Inox, para evitar a degradação por conta do tempo e da maresia

Segurança

Policia recupera carga de estruturas metálicas avaliada em cerca de R$ 300 mil

Policiais civis recuperaram uma carga de estruturas metálicas avaliada em cerca de R$ 300 mil furtada em Xanxerê, no Oeste. A ação é da Delegacia de Polícia de Repressão a Roubos e Furtos de Chapecó […]