keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Sequestrador é morto pela polícia depois de dez horas de negociações no Sul de SC

Segundo os policiais, ele teria investido contra as equipes que tentavam negociar que ele se entregasse com segurança.

X

O homem que invadiu a casa e sequestrou a família do ex-patrão em em Balneário Gaivota, no Sul de SC foi morto pela polícia na tarde desta segunda-feira (5). Segundo os policiais, ele teria investido contra as equipes que tentavam negociar que ele se entregasse com segurança. Ele tinha 28 anos e havia sido demitido na semana passada.

A ação na casa da vítima durou mais de dez horas. Uma mulher de 36 anos, a última de quatro reféns, foi liberada por volta das 17h. Pouco antes, às 16h, a policia havia conseguido entrar no quintal da residência. Até este momento, as negociações eram conduzidas com o sequestrador por meio de um telefone. Mas, a energia e a água da casa foram cortadas e, parar dar fim ao impasse, os agentes resolveram agir e invadiram o local. Foi nesse momento que diversos disparos foram ouvidos. O empresário, que seria o principal alvo da ação do sequestrador não estava na casa. A mulher de 36 anos foi liberada sem ferimentos, mas precisou de atendimento já que estava em estado de choque. Já o homem de 28 anos foi alvejado e morreu no local, antes da chegada do socorro.

O sequestrador é natural de Alvorada no Rio Grande do Sul e chegou na residência para conversar com o ex-patrão por volta das 7h30. Como não o encontrou, ele decidiu invadir a residência e fazer a família refém. Ele trabalhou poucos dias com o empresário e foi demitido por ter envolvimento com drogas e faltar ao trabalho.

Conforme as informações da Polícia Civil, o ex-patrão é dono de uma empresa de construção civil. Com o passar das horas, o sequestrador começou as liberações. A primeira foi uma criança de quatro anos. Depois saíram uma menina de 15 anos e o filho mais velho do casal. de 16 anos. Já durante a tarde, cerca de 9h depois de iniciar a ação, o sequestrador pediu para falar com um jornalista e mandou uma mensagem aos familiares, que moram em Alvorada, no RS. A jornalista disse que ele aparentava estar calmo. Ninguém imaginava que ele fosse investir cotra os policiais e resistir à prisão.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Veja as fotos de ritual satânico feito por estudante de medicina que matou os pais

O caso é investigado pela Polícia Civil, por meio do Departamento Especializado de Homicídio e Proteção à Pessoa

Segurança

“O diabo desceu até vós, pouco tempo lhes resta”, estudante de medicina mata os pais em suposto ritual satânico

Após matar os pais, o estudante teria ligado para um familiar e dito que tinha “feito uma bobagem”

Segurança

Bebê de 7 meses é baleada no peito durante assalto em SC

Criança estava no colo do pai quando assalto aconteceu

Segurança

Júri popular de homem acusado de matar mulher de Itapema em SP é adiado

Família de Itapema viajou para São Paulo para acompanhar o julgamento, mas receberam a informação que o júri foi adiado

Segurança

Filho da cantora Walkyria é encontrado morto após fazer brincadeira no TikTok com amigo

Comentários no TikTok fizeram o adolescente tirar a própria vida

Mais notícias

Segurança

Veja as fotos de ritual satânico feito por estudante de medicina que matou os pais

O caso é investigado pela Polícia Civil, por meio do Departamento Especializado de Homicídio e Proteção à Pessoa

Segurança

“O diabo desceu até vós, pouco tempo lhes resta”, estudante de medicina mata os pais em suposto ritual satânico

Após matar os pais, o estudante teria ligado para um familiar e dito que tinha “feito uma bobagem”