keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Santa Catarina lança aplicativo para acompanhar emendas parlamentares estaduais

Ferramenta está disponível em um link permanente no site da Fazenda.

X

Durante reunião da Comissão de Finanças e Tributação da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), realizada nesta quarta-feira, 5, o Governo do Estado apresentou um aplicativo para acompanhamento das emendas impositivas. A ferramenta está disponível em um link permanente no site da Fazenda. “Trata-se de um marco para Santa Catarina, com redução de burocracia e transparência nos repasses do Estado aos municípios”, enfatizou o secretário de Estado da Fazenda (SEF), Paulo Eli.

Neste biênio, o governo catarinense tem a previsão de repassar mais de R$ 491 milhões em emendas parlamentares, sendo que R$ 243 milhões são referentes a 2019 e R$ 248,8 milhões são deste ano. Em julho, o Poder Executivo beneficiou 245 municípios catarinenses com o pagamento total de R$ 70,4 milhões. “Antecipamos as emendas que seriam quitadas em dezembro para agosto, para não realizar o pagamento parcelado durante o período eleitoral”, explicou Eli.

A apresentação da ferramenta foi ministrada pela secretária adjunta da SEF, Michele Roncalio. “O Governo do Estado está cumprindo a portaria 198, publicada no Diário Oficial de ontem (terça), com a divulgação dos municípios beneficiados e os respectivos montantes a serem repassados pelo Estado a título do pagamento de emendas parlamentares impositivas. Todas as emendas parlamentares de 2020 estão catalogadas e disponíveis para acesso não apenas dos parlamentares, bem como, da sociedade”, salientou. “A ferramenta permite que toda a população catarinense acompanhe datas e quais municípios estão recebendo os pagamentos”, complementou o chefe interino da Casa Civil, Juliano Chiodelli.

Emendas impositivas parlamentares

Segundo a Constituição Estadual, as emendas individuais de parlamentares são recursos do orçamento público, legalmente indicados por deputados ao projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA). Elas serão aprovadas no limite de 1% da receita corrente líquida prevista no projeto de lei encaminhado pelo Poder Executivo. Tais emendas permitem que os deputados apontem a destinação de recursos sem a intervenção direta do Executivo. Em julho de 2020 a Alesc promulgou a Emenda Constitucional número 078/2020, transformando todas as emendas parlamentares impositivas destinadas à municípios em transferências especiais.

 

Geral

Publicação Legal: Comunicado de reajuste de tarifa

A Águas de Bombinhas Saneamento SPE SA, em cumprimento ao estabelecido na clausula 12.9 do Contrato de Concessão nº 06/2016-FMSB e, diante da postergação do reajuste ocorrida em junho de 2020, informa que as tarifas […]

Geral

Impressionante! Morador de SC flagra cobra devorando outra cobra

Muitos internautas se mostraram incrédulos com o vídeo

Geral

Dois trabalhadores são resgatados após levarem choque elétrico em betoneira

Uma das vítimas foi resgatada inconsciente e com uma parada cardiorrespiratória

Geral

Publicação Legal: Comunicado de reajuste de tarifa em Camboriú

A Águas de Camboriú Saneamento SPE SA, em cumprimento ao estabelecido na clausula 18.4 do Contrato de Concessão nº 016/2015 e, diante da postergação do reajuste ocorrida em junho de 2020, informa que as tarifas […]

Geral

Santa Catarina gera mais de 32 mil empregos, melhor outubro da história

Santa Catarina apresenta novamente números expressivos na geração de empregos formais. O Estado teve um saldo positivo de 32.911 vagas em outubro, o melhor desempenho para o mês desde 2004, início da série histórica. Além […]

Mais notícias