keyboard_backspace

Página Inicial

Economia

Santa Catarina cria mais de 32 mil empregos com carteira assinada em janeiro, aponta Caged

No acumulado dos últimos 12 meses, Santa Catarina apresenta um saldo de 53.867 carteiras assinadas.

X
Foto: Mauricio Vieira / Arquivo/ Secom

Santa Catarina apresenta novamente números expressivos na geração de empregos formais. O Estado teve um saldo positivo de 32.077 vagas em janeiro, mantendo o melhor desempenho na região Sul e o segundo maior do país, atrás apenas de São Paulo (75.203). Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, divulgados nesta terça-feira, 16.

“Mesmo em um período de muitos desafios, nosso esforço é para gerar renda e emprego aos catarinenses. Atuamos diuturnamente para garantir a saúde e bem-estar da população, mas também entendemos que é fundamental apoiar o setor produtivo para permitir uma retomada das atividades”, afirma o governador Carlos Moisés.

A maioria dos setores da economia catarinense contratou mais do que demitiu no mês de janeiro. O setor da indústria geral obteve o melhor desempenho, com um saldo de 19.885 novas vagas. Em seguida vem serviços (6.067), agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura (3.670) e construção (3.533). O único saldo negativo foi no comércio, com -1.078.

“Os números positivos da economia catarinense, mesmo frente a uma pandemia, nos mostram a direção. Somos pelo quarto ano consecutivo o segundo lugar em competitividade e estamos também atrás apenas de SP com o melhor resultado de emprego formal do país. O momento é difícil e as decisões em conjunto, buscam uma justa medida entre saúde e a economia. Desta forma, logo superaremos esta crise sanitária e poderemos comemorar os excelentes resultados e que confirmam o acerto das decisões desta gestão”, pontua o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), Luciano Buligon.

As mais de 32 mil novas vagas com carteira assinada são resultado de 124.389 admissões e 92.312 demissões. No Brasil, o saldo de novas vagas também foi positivo: 260.353 postos de trabalho foram abertos em janeiro.

No acumulado dos últimos 12 meses, Santa Catarina apresenta um saldo de 53.867 carteiras assinadas.

Em 2020
Santa Catarina teve o melhor resultado do país na geração de empregos formais em 2020. Ao todo, foram geradas 53.050 vagas com carteira assinada no Estado no ano passado. O dado representa 37,1% de todos os 142.690 empregos criados no Brasil em 2020.

Fonte: Visor Notícias

Economia

Balneário Camboriú terá o metro quadrado mais caro do país, afirma especialista

Segundo o CEO da Sort Investimentos, Renato Monteiro, após a conclusão da obra de alargamento da faixa de areia, o metro quadrado frente mar pode passar de R$ 40 mi

Economia

Indústria catarinense registra maior alta do país em fevereiro, aponta IBGE

No acumulado de janeiro e fevereiro de 2021, o Estado catarinense liderou o ranking das Unidades da Federação, com uma alta de 9,5%. A variação nacional foi de 1,9%, abaixo da verificada no primeiro mês deste ano de 2,6%.

Economia

Novo ranking da Forbes aponta Luciano Hang como mais rico de SC

De acordo com a cotação do dólar nesta quinta-feira (8), o valor da fortuna atual convertido para o real seria de R$ 15,12 bilhões.

Economia

Mercado brasileiro de peças de barco registra alta na pandemia

Varejo de peças náuticas no Brasil tem alta na pandemia, tanto por meio de vendas on-line quanto nas lojas físicas. Distribuidora de insumos nacional, Catarina Náutica, registrou aumento de quase 20% em vendas.

Economia

Dólar fecha em R$ 5,60 e atinge menor valor em duas semanas

Diversos fatores contribuíram para a queda da moeda norte-americana. O início da safra de grãos, que impulsiona as exportações.

Mais notícias