keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Projetos de crédito para financiar geração energia solar para famílias rurais são elaborados pela Epagri

Em 2019, financiamentos em geração de energia encaminhados pela Epagri somaram R$ 42 milhões

Essencial para a agricultura, o sol ganhou mais um papel no meio rural catarinense: ser fonte de energia. Com sistemas de geração solar fotovoltaica, muitas famílias têm eletricidade de forma limpa e reduzem os custos das atividades produtivas. A Epagri é parceira dos agricultores nesse caminho sustentável porque elabora projetos de crédito para financiar os sistemas de geração. Com apoio, essa onda só cresce: em 2018 e 2019, a Empresa elaborou 1.131 projetos na área, contra 103 nos três anos anteriores. Só em 2019, os financiamentos em geração de energia encaminhados pela Epagri somaram R$ 42 milhões – quase 17% do valor total dos projetos de crédito feitos pela Empresa.

O financiamento torna a tecnologia acessível às famílias rurais. No caso dos agricultores enquadráveis no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), é possível acessar o Pronaf Eco. Com limite de R$165 mil, essa linha de crédito oferece taxa de juros de 2,5% ao ano e prazo de até 10 anos para pagar. Acessando o Programa Menos Juros, da Secretaria da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de SC, ainda é possível abater 2,5% dos juros de financiamentos de até R$100 mil. Dos 584 projetos elaborados pela Epagri para investimento em energia solar em 2019, 77% foram apoiados pelo Menos Juros.

Foi com ajuda da Epagri que a família Barea, de Planalto Alegre, no Oeste, conseguiu financiar um sistema fotovoltaico e reduzir os custos da propriedade. Para manter duas residências, dois aviários e a produção de leite, a conta de energia alcançava R$ 3,5 mil mensais. Hoje, a despesa varia entre R$ 200 e R$ 600.

O sistema tem 114 painéis solares com capacidade instalada de 36 quilowatts-pico. O investimento foi de R$198 mil, dos quais R$165 mil foram financiados pelo Pronaf Eco. Antônio Barea calcula que em seis a oito anos o investimento esteja quitado apenas com a economia na conta de energia. “Assim que o sistema se pagar, vou produzir energia sem custo. É um dinheiro a mais para investir em melhoria da propriedade ou no conforto da família”.

Cidades

Família procura por homem que desapareceu com surto psicótico em Balneário Camboriú

Qualquer informação pode ser repassada para a família pelos números: 47 - 99907-8439 ou 49- 99915-9205

Cidades

Família procura por adolescente desaparecida em Camboriú

Qualquer informação sobre o paradeiro da adolescente pode ser repassada para o 47 9 8447 6768 (Núcleo de Desaparecidos) ou para a família pelos (47)3365-4930 e (47) 99608-4571

Cidades

Dona de oficina procura por cachorro que foi furtado por mulher em Itapema

Imagens de câmeras de monitoramento mostram que uma mulher loira em um carro Citroen pegou o Nino e o levou embora

Cidades

Águas de Bombinhas recebe certificação inédita para combate a Covid

A certificação atesta que a empresa cumpre todos os protocolos de proteção e enfrentamento à doença

Cidades

Câmara de Itapema homenageia policiais que salvaram mulher que iria se jogar de passarela

No dia 31 de outubro deste mesmo ano, os soldados Ismael e Poletto efetuaram o salvamento de uma mulher que estaria prestes a se jogar de uma passarela

Mais notícias