keyboard_backspace

Página Inicial

Política

Projeto promove a livre concorrência no transporte rodoviário intermunicipal de SC

Ampliar a oferta de ônibus intermunicipais, melhorar o serviço e reduzir a tarifa são os principais objetivos de projeto de lei que avança na Assembleia Legislativa.  A matéria é assinada pelos deputados Coronel Mocellin e Jerry Comper. 

A Comissão de Segurança Pública da Casa aprovou, essa semana, o parecer favorável ao PL, que reduz as exigências para a renovação do registro de empresas de transporte rodoviário intermunicipal junto ao governo estadual.

A matéria segue para análise da Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano.

O objetivo dos autores é retirar da lei a obrigatoriedade da comprovação de frota mínima e idades máximas dos ônibus para fins de obtenção de registro. 

Para o Coronel Mocellin, essas exigências favorecem apenas as grandes empresas e contrariam os princípios da livre concorrência e da livre iniciativa. “Com o fim dessas obrigações mais empresas poderão explorar o serviço de transporte de passageiros, oferecendo melhor serviço e menor preço aos usuários”, destacou.

Segundo o projeto para garantir a segurança os ônibus com mais de 15 anos precisarão apresentar, a cada semestre, certificado de inspeção veicular emitido por entidade  credenciada. 

Os demais veículos devem ser inspecionados anualmente.

Política

Mais de 8400 servidores municipais de SC receberam o auxilio emergencial ilegalmente

Os servidores já foram identificados e terão que devolver os recursos

Política

Florianópolis tem carreta contra o Impeachment de Carlos Moisés

A carreta a favor de Moisés e Daniela foi chamada de carreta “contra o golpe e pela democracia”

Política

Justiça barra sessão que votaria impeachment de Carlos Moises

Votação estava marcada para acontecer a partir das 15h desta quinta-feira

Política

Deputados votam impeachment de Carlos Moisés a partir das 15 horas

Governador é acusado de envolvimento no caso da compra fraudulenta de 200 respiradores para atender demanda da Covid-19

Mais notícias