keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Projeto Limpeza dos Mares retira 2,5 toneladas de lixo do mar no Sul da Ilha

Governador diz que participar do projeto foi importante para ajudar a conscientizar as pessoas:

Foi realizada neste sábado, 26, em Florianópolis, a primeira ação do ano do projeto Limpeza dos Mares, promovido pela Associação Náutica Brasileira (ACATMAR), Mundo Mar e Acquanauta Floripa desde 2014. O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, e a primeira-dama, Késia Martins da Silva, participaram da iniciativa que retirou cerca de 2,5 toneladas de lixo da Praia e da Ilha do Campeche, segundo os organizadores. A maior parte estava na praia, restingas e Riozinho, no Campeche. Da mata, areia e fundo do mar da ilha foram retirados 100 quilos de resíduos.

Participaram da 30ª etapa do projeto, criado para conscientização ambiental e retirada de lixo das profundezas e encostas de mares, rios e lagos, 230 voluntários. Com foco na sustentabilidade, os participantes já retiraram mais de 116 toneladas de resíduos das águas e costões do litoral em mutirões de limpeza.

O governador diz que participar do projeto foi importante para ajudar a conscientizar as pessoas: “O lixo não chega aqui sozinho. Tem alguém que os coloca no lugar errado. Esse material está chegando aqui e não deveria ter chegado, mas ser reciclado. Há muito tesouro no lixo que acaba sendo danoso quando colocado no lugar errado e tão importante quanto limpar praia e fundo de mar é não deixar o lixo chegar até aqui”, destacou. “É importante dar a destinação correta e ter uma vida mais sustentável, buscar embalagens biodegradáveis e que não interfiram no ecossistema. A gente consome muito plástico e, pior ainda, não destina adequadamente. Temos de fazer a nossa parte”, reforçou Carlos Moisés.

Entre os materiais recolhidos havia grande quantidade de roupas, cobertores, grelha para churrasqueira, restos de cadeiras de praia e guarda-sol, restos de um micro-ondas, tampos de pia de cozinha, um tubo de TV, 200 canudos, 700 garrafas de vidro, brinquedo, isqueiros, chinelos, tesoura de cortar grama, dois registros hidráulicos ainda na embalagem, duas malas, utensílios domésticos, latinhas de cerveja e refrigerante, garrafas de plástico, tampas de garrafa de plástico e de alumínio, restos de redes de pesca, cordas, caixas de papel e papelão e mais de 1.000 bitucas de cigarro.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Cidades

Balneário Piçarras ativa abrigo de inverno para moradores em situação de rua

Secretaria de Assistência Social realizará trabalho de campo para localizar os moradores de rua

Cidades

Cães e gatos ficam órfãos após morte de protetora em SC

Cidade está mobilizada para ajudar na adoção dos animais

Cidades

São José promove Semana da Enfermagem na próxima segunda-feira

Dia Mundial do Enfermeiro e da Enfermagem é celebrado nesta quinta (12) e município tem a prática de investir na capacitação aos profissionais da área

Cidades

Concurso vai eleger melhores projetos ambientais da rede municipal de ensino de São José

Secretaria de Educação de São José lançou o Concurso Dia do Desafio do Meio Ambiente para motivar a comunidade escolar

Cidades

São José recebe R$ 350 mil para custeio da saúde

Os valores decorrem de emenda ao Orçamento da União da Deputada Federal Geovania de Sá

Mais notícias

Geral

Morre o empresário Stalin Passos em Itapema

O velório ocorre nesta terça-feira (17) na Câmara Municipal de Itapema

Geral

Ministério Público Federal investiga prazos do Contorno de Florianópolis

O MPF pediu à Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT) que apresente os percentuais de conclusão das obras em sete de janeiro de 2021 e em 20 de fevereiro de 2020, destacando eventuais alterações no cronograma de conclusão