keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Preso homem que criava perfis falsos de jovens para extorquir usuários do facebook com nudes

Policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Itajaí, em ação conjunta com a Polícia Civil do Rio Grande do Sul, elucidaram um crime de extorsão praticado no golpe da “sextorsão”/”nudes” e prenderam um […]

X
Polícia Civil/Visor Notícias

Policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Itajaí, em ação conjunta com a Polícia Civil do Rio Grande do Sul, elucidaram um crime de extorsão praticado no golpe da “sextorsão”/”nudes” e prenderam um envolvido preventivamente.

Na quinta-feira (01), foram cumpridos um mandado de busca e apreensão na região metropolitana de Porto Alegre (RS) e na Penitenciária de Charqueadas (RS). Houve apoio da Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos do DEIC/RS.

Os criminosos criam perfis falsos (fakes) de garotas nas redes sociais e, a partir daí, passam a adicionar homens, na maioria das vezes de meia idade, e começam a trocar mensagens eróticas com eles. Durante as conversas, que são realizadas através do bate-papo de aplicativos, são trocadas fotos íntimas (nudes) entre a suposta garota e as vítimas, que são enganadas pelos autores do crime.

Depois, já de posse da foto da vítima, os golpistas entram em contato e se apresentam como pai da suposta garota, ou policial, informam que a menina seria menor de idade e exigem dinheiro em troca de não registrar a ocorrência (no caso do suposto pai), ou “arquivar” a denúncia (no caso do suposto policial).

Caso a vítima não deposite a quantia em dinheiro exigida pelos criminosos, eles ameaçam expor toda a conversa aos familiares das vítimas, que, subjugados a essa situação, acabam efetivando os depósitos. No caso investigado, foi possível inferir que a trama criminosa partiu de dentro do sistema penitenciário de Charqueadas (RS), onde um detento, em conluio com a esposa, aplicava o referido golpe, o qual acabou por vitimar ao menos oito vítimas em Itajaí.

Diante disso, foi representado ao Judiciário pela expedição dos mandados de busca e apreensão na residência dos criminosos e na penitenciária do Rio Grande do Sul, bem como pela prisão contra o casal investigado. Os mandados então foram cumpridos no interior da penitenciária, onde foram apreendidos aparelhos celulares em posse dos detentos e certa quantidade de droga (crack). Um homem envolvido no crime foi preso preventivamente. A mulher, até o momento, não foi localizada e segue foragida da Justiça.

Segundo o Delegado de Polícia, Rafael Leandro Lorencetti, eles deverão ser indiciados pelo crime de extorsão. O inquérito policial deverá ser concluído no prazo de 10 dias e remetido ao Poder Judiciário.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Casal se aproxima de criança e envenena com agulha; caso é investigado

Polícia Civil emitiu uma nota alertando os pais em SC

Segurança

Incêndio é registrado em residência de Porto Belo

Um incêndio foi registrado na manhã deste sábado (16), em uma residência de Porto Belo.  Segundo o Corpo de Bombeiros, o fato ocorreu por volta das 8h12. O inquilino da kitnet relatou que saiu e deixou […]

Segurança

Motorista que causou acidente grave em Florianópolis usava documento falso

A Polícia Civil descobriu nesta sexta-feira (15) que o motorista de uma Land Rover que causou um grave acidente de trânsito na tarde do dia 1º de janeiro, nos Ingleses, em Florianópolis, causando ferimentos em […]

Segurança

Armas e munições são apreendidas pela Polícia Civil em Itajaí

A Polícia Civil apreendeu armas de fogo e munições ao cumprir um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça em uma residência do bairro Fazenda, em Itajaí. Um homem de 50 anos, suspeito de […]

Mais notícias