keyboard_backspace

Página Inicial

Política

Presidente da Câmara de Itapema intermedia discussões sobre Operações Consorciadas

Na mesma tarde, o presidente Alexandre Xepa intermediou o diálogo entre o Poder Executivo, a Associação de Moradores da Rua 450 e o Sinduscon Costa Esmeralda

Divulgação

Tarde com agenda intensa de reuniões aqui no Legislativo nesta quinta, 21/07. O presidente da Câmara de Itapema, vereador Alexandre Xepa (Progressistas), recebeu a Associação de Moradores da Rua 450 e, na sequência, representantes do Sinduscon Costa Esmeralda (Sindicato da Construção Civil de Itapema), intermediando o diálogo entre o poder público e as entidades representativas da sociedade. Entre demais representantes, estavam o presidente da Associação, Valdivino Pereira, e o presidente do Sinduscon, Rodrigo Passos Silva.

Ao longo de quase 3h de discussões, os representantes do governo municipal – o Assessor Especial de Governo e Planejamento Estratégico, Valdemiro Souza, e o Assessor de captação de recursos e Projetos, Marcelo Correia – esclareceram dúvidas de ambos os grupos diante do Projeto de Lei Complementar nº 005/2022, que define as Operações Consorciadas de Itapema.

Na reunião sobre a Rua 450, representantes dos moradores questionaram como deve funcionar na prática o financiamento das habitações populares que vai permitir a realocação das famílias cadastradas pelo município no projeto de regularização fundiária. Já na reunião com o Sinduscon, a pauta predominante foi quanto a detalhes técnicos sobre o leilão de títulos da outorga onerosa, que vai permitir ao município gerar receita para executar as obras previstas nas Operações Consorciadas, entre elas, também, o engordamento da faixa de areia.

Valdemiro Souza anotou as reivindicações de ambos os grupos, e se comprometeu em discutir mudanças no Projeto de Lei com o Poder Executivo, atendendo às demandas apresentadas. Os vereadores Beth Rocha (PSD), Jean do Dimar (MDB), João da Farmácia (PSL), Léo Cordeiro (MDB), Zulma Souza e Wanderley Dias (PSD), e também apresentaram questionamentos e sugestões sobre o PL Complementar 005/2022, que tramita na Câmara em regime de urgência simples.

Mais tempo de tramitação

O PL Complementar foi pautado para votação em regime de urgência especial na Sessão Ordinária da última terça, 19/07. Este foi outro ponto negociado pela Câmara de Vereadores diretamente com o governo municipal, que permitiu a alteração do regime de tramitação para urgência simples, o que garante mais tempo de tramitação do Projeto de Lei Complementar nº 005/2022, antes de sua votação em plenário pelos vereadores.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Política

Bolsonaro e Braga Netto declaram patrimônios para a disputa ao Planalto

Leia na Coluna Esplanada de hoje direto de Brasília

Política

Santa Catarina tem 10 candidatos a governador confirmados; veja os nomes

Esse quadro ainda pode mudar até o dia 15 de agosto, quando o pedido de registro das candidaturas deve ser feito

Política

Com apoio de Bolsonaro, Jorginho Mello é confirmado o candidato do PL ao Governo de SC

Presidente Bolsonaro, em vídeo, consagrou Jorginho Mello como o seu candidato em Santa Catarina

Política

União Brasil oficializa Soraya Thronike como candidata à Presidência

Marcos Cintra foi anunciado como vice em chapa puro sangue

Mais notícias

Economia

11 dicas para presentear e agradar os papais sem gastar muito no Dia dos Pais

Separamos diversas opções que podem ser encontradas nas lojas do Fort Atacadista, como kits para churrasco, bebidas e itens do bazar; compras no atacarejo ainda garantem cupons para concorrer a 23 carros