keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Cenas fortes! Populares pisoteiam corpo de caminhoneiro para saquear carga em rodovia

Populares ignoraram corpo do caminhoneiro

X

O corpo do caminhoneiro no chão, vítima de um grave acidente na BR-277, em Laranjeiras do Sul, no Paraná, na quarta-feira (11), não impediu populares de saquearem a carga do veículo. Em vídeos, gravados por motoristas que passavam pelo local, mostram as pessoas aglomeradas e até pisoteando no corpo do homem para conseguir acessar as caixas do baú.  Segundo informações, o grupo seria de indígenas.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal), ao atender o acidente na altura do KM 473,9 da BR-277, deparou-se com um início de saque de carga em um dos veículos envolvidos, um caminhão-baú. Por volta das 16h desta quarta (11), em decorrência do acidente em área de aldeamento indígena, a pista foi interditada nos dois sentidos. Mesmo com a chegada dos policiais no local, um grupo grande de indígenas tentava arrombar a porta do compartimento de carga do caminhão, apesar das ordens policiais.

Em determinado momento, as tentativas se cessaram, mas logo depois, ainda mais pessoas se aglomeraram no local com o objetivo de saquear a carga, composta por diversos itens automotivos (pneus de motocicletas e óleo), chegando até mesmo a pisotear o corpo do motorista da van envolvida na colisão frontal, que estava às margens da rodovia sem vida e aguardando a chegada do IML (Instituto Médico Legal).

Foi acionado o reforço de mais policiais rodoviários federais, mas em razão da quantidade superior do bando, não foi possível conter o saque. Um dos policiais foi atingido por uma pedrada na cabeça, foi atendido pelo serviço médico da concessionária e passa bem.

Houve relatos de que indígenas tentaram realizar um arrastão nos veículos que estavam parados nos dois sentidos da rodovia bloqueada, mas não houve registro de roubos. Logo depois, quatro indígenas foram identificados e presos pelo saque ao caminhão, sendo que foram conduzidos para a Polícia Civil em Laranjeiras do Sul, para o registro do saque à carga

Fonte: O Paraná

Segurança

Suspeita de participar de assalto em Criciúma é presa em São Paulo

A mulher foi presa por crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de armas de fogo pela Poícia Civil

Segurança

Investigação aponta que quadrilha ficou em Criciúma por três meses para planejar assalto

As primeiras investigações em busca da quadrilha que assaltou uma agência do Banco do Brasil em Criciúma na madrugada de terça-feira (1º) indicam que os criminosos ficaram na cidade no Sul de SC por pelo […]

Segurança

Laboratório de produção de drogas é encontrado pela polícia em Santa Catarina

A Polícia Civil descobriu um laboratório de produção de drogas e apreendeu cocaína e maconha. Foi na terça-feira (01), no bairro Glória, no município de Rodeio. A ação foi realizada pelo Setor de Investigações Criminais […]

Segurança

Polícia Civil atua em várias linhas de investigação do assalto em Criciúma

A Polícia Civil de Santa Catarina tem várias linhas de trabalho referentes à investigação do assalto ao Banco do Brasil, ocorrido na noite de segunda-feira (30), em Criciúma, no Sul do Estado. A investigação é […]

Mais notícias