keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia prende criminosos que arrombavam delegacias na região para furtar drogas

Quadrilha furtou drogas da delegacia de Canelinha

X

A investigação conjunta das várias delegacias que foram alvos de arrombamento nos últimos três meses na região do litoral catarinense revelou a existência de uma associação criminosa formada por três indivíduos moradores das cidades de São José e Imbituba. Na manhã deste sábado (12), foi deflagrada pela Polícia Civil a segunda fase da operação, onde prendeu integrantes desse grupo criminoso especializado na prática de crimes patrimoniais contra estabelecimentos comerciais e unidades policiais.

De acordo com a Polícia Civil, no Vale do Rio Tijucas, essa associação criminosa agiu na madrugada do último dia 13 de agosto, quando arrombaram a porta da delegacia de Canelinha e furtaram uma pequena quantidade de drogas, as quais foram apreendidas em procedimentos policiais. Além disso, os criminosos deixaram o local totalmente bagunçado.

A primeira fase da operação foi deflagrada na madrugada de terça-feira (8), e resultou no cumprimento de um mandado de prisão temporária, no posto operacional da PRF, em Paulo Lopes e de três mandados de busca e apreensão, na cidade de São José, todos expedidos pelo Juízo da 2ª Vara da Comarca de Jaguaruna, após parecer favorável do Ministério Público.

Nessa ação, um veículo utilizado pelo grupo nos arrombamentos, um FORD/KA de cor vermelha, inclusive o mesmo utilizado em Canelinha foi apreendido junto com diversas ferramentas e objetos furtados das delegacias. Na operação deste sábado, participaram policiais de diversas cidades.

Segurança

Três pessoas são presas por assassinato de homem com sete tiros

A vítima foi morta uma organização criminosa atuante no Estado

Segurança

Polícia descobre canil ilegal com 27 cachorros e sete gatos em Joinville

Os animais estavam em uma casa na Zona Oeste da cidade

Segurança

Homem tenta matar funcionário de Posto de Saúde de Porto Belo com foice

Ainda na manhã desta sexta era possível ver bastante sangue no chão em frente ao Posto de Saúde e dentro da unidade

Mais notícias