keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia localiza mais de R$ 3 milhões em cocaína escondidos em lataria de carro na BR-282

O homem de 33 anos, confessou que receberia pagamento para levar o SUV desde o Paraguai até Chapecó

X
Reprodução

Policiais rodoviários federais apreenderam na tarde desta terça (20), na BR-282 em Chapecó, cerca de 76 quilos de cocaína. A droga está avaliada em cerca de R$ 3,17 milhões de reais, valor que deixou de cair nas mãos do crime organizado.

Durante fiscalização a um Hyundai/Santa Fé placas de Apucarana/PR, o motorista alegou que vinha de Foz do Iguaçu para Chapecó comprar um caminhão. No entanto, ele não sabia dizer o nome do vendedor, não mostrou nenhum anúncio do veículo e caiu em outras contradições. Ao fazer uma vistoria mais minuciosa, os policiais encontraram compartimentos ocultos no porta-malas e também nas lanternas traseiras, contendo os tabletes com cocaína.

O homem de 33 anos, confessou que receberia pagamento para levar o SUV desde o Paraguai até Chapecó. Ele foi encaminhada à Delegacia de Polícia de Chapecó, onde vai responder por tráfico de drogas.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

“Eu sou um idiota”, mãe que matou filho e jogou no rio obrigava criança a escrever frases depreciativas em caderno

Além do caderno, a polícia localizou no apartamento onde mãe e filho moravam uma corrente, que era utilizada para manter a criança presa

Segurança

Funcionário é achado morto e patrão pendurado na árvore em piquete de gado em SC

Patrão foi resgatado com vida; ele estava todo ensanguentado

Segurança

Caminhão que transportava casa de madeira se envolve em acidente no RS

Condutor do caminhão não tinha autorização nem sinalização adequada para realizar o transporte

Segurança

“Não corre senão eu te mato”; vídeo flagra ação de assaltante em mercado de Joinville

O prejuízo para o dono do estabelecimento foi de R$ 400 reais só em dinheiro, além das bebidas levadas

Segurança

O que se sabe sobre o caso do corpo encontrado sem cabeça em SC

Vítima ainda não foi identificada oficialmente e a confirmação só será possível após exame de DNA

Mais notícias

Segurança

“Eu sou um idiota”, mãe que matou filho e jogou no rio obrigava criança a escrever frases depreciativas em caderno

Além do caderno, a polícia localizou no apartamento onde mãe e filho moravam uma corrente, que era utilizada para manter a criança presa

Coronavírus

Jovem que dizia estar ‘muito ocupada para tomar a vacina’, morre de Covid-19

Ela deixa um filho de 2 anos, que tem autismo, e duas meninas, de 4 e 7 anos