keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia Federal cumpre mandado no gabinete do deputado Leonel Pavan

Um dos locais em que a PF esteve foi no gabinete do deputado Leonel Pavan, na Assembleia Legislativa em Florianópolis

A Polícia Federal, na manhã desta quarta-feira, 29/08, cumpriu dez manados judiciais de busca e apreensão em uma operação que apura divulgação ilícita de informações sigilosas referentes à outra investigação conduzida pela PF. Entre os alvos estão servidores da própria PF e da Polícia Civil.

Um dos locais em que a PF esteve foi no gabinete do deputado Leonel Pavan, na Assembleia Legislativa em Florianópolis.

Nesta operação são apurados crimes de associação criminosa, corrupção passiva, violação de sigilo funcional, tráfico de influência, corrupção ativa e tentativa de interferir em investigação penal que envolva organização criminosa.

Em nota, o gabinete de Pavan diz que as buscas não tem ligação com a atividade parlamentar do deputado, e que os agentes focaram em computador e documentos de um funcionário que já pediu desligamento. Segundo informação, o caso e de ordem pessoal e profissional do ex-funcionário.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Irmãos traficantes são detidos pela polícia em Itapema

O homem que foi flagrado com a droga afirmou que a maconha pertencia ao outro, que é seu irmão menor de idade

Segurança

Pedófilo europeu de 77 anos procurado internacionalmente é preso em SC

O abuso sexual contra a criança ocorreu em 2019 e o idoso era procurado pela Justiça portuguesa desde então

Segurança

Homem invade UTI e mata paciente com cinco tiros

A vítima estava internada após ter sobrevivido a uma tentativa de homicídio na madrugada de domingo (14)

Segurança

Homem que tentou matar esposa por não aceitar separação e divisão de bens é condenado

Em sessão do Tribunal do Júri da Comarca de Braço do Norte, o réu foi sentenciado a 10 anos e oito meses, em regime inicial fechado, por tentativa de feminicídio qualificado por motivo fútil e emboscada.

Segurança

Mulher que teve casa incendiada morre com 80% do corpo queimado

A filha da vítima também ficou ferida com as chamas

Mais notícias

Cidades

Itapema realiza audiência para apresentação da LDO 2023

A reunião aconteceu nesta segunda-feira (15/08) auditório da Prefeitura de Itapema

Cidades

Vereador Xepa pede brinquedos para crianças com deficiências nos parques de Itapema

O vereador se une à uma luta de muitas mães de filhos e filhas especiais