keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia descobre que pai do autor da chacina em creche de SC colecionava facas

Jovem foi questionado pelos pais sobre o porquê da compra das facas, mas respondeu com uma brincadeira

X
Foto: Roberto Bortolanza/NDTV/ND

O delegado Jerônimo Marçal Ferreira, responsável pela investigação da chacina da creche em Saudades, revelou na manhã desta sexta-feira (14), que o pai de Fabiano Kipper Mai, de 18 anos, autor dos crimes, colecionava facas. A informação foi obtida durante interrogatório da família. O pai ainda contou para a Polícia Civil que achou estranho o filho ter comprado uma espada, mas, como era de praxe colecionar esse tipo de armamento, não imaginou que iria realizar uma chacina e nem que planejava tamanha crueldade.

O jovem foi questionado pelos pais sobre o porquê da compra das facas, mas respondeu com uma brincadeira. Segundo o delegado, o pai pensou que o filho tivesse o mesmo gosto pelos objetos de coleção. “O pai tinha o hábito de colecionar facas, tinha em casa várias facas e o raciocínio que ele fez foi esse, que de repente ele passou a gostar de facas também. Mas jamais imaginou que o filho iria usar essa faca para atacar outra pessoa”, acrescenta Ferreira. O atentado brutal deixou cinco pessoas mortas, entre elas três bebês com menos de dois anos e duas educadoras.

Ainda, segundo o delegado, ao iniciar o planejamento do atentado, o jovem tentou por diversas vezes adquirir uma arma de fogo, mas não obteve êxito e por isso comprou as armas brancas pela internet. Ele as recebeu pelos Correios. “Elas chegaram na casa dele cerca de cinco dias antes do ataque. A família chegou a ter contato com elas, mas não sabia do que se tratava”. A definição da chacina foi feita no dia em que as armas chegaram. Conforme Marçal, a ideia era atacar pessoas com quem o autor estudou na escola. Mas como ele não conseguiu obter a arma de fogo, desistiu de enfrentar jovens da mesma faixa etária apenas com as adagas. Por este motivo optou pela creche, com vítimas indefesas. “O ato dele, por si só, já seria covarde, porque foi contra crianças e mulheres que não tinham como se defender, mas mostra que ele foi ainda mais covarde”, apontou o delegado Ferreira.

Fonte: ND+

Segurança

Homem alcoolizado capota carro e é lançado para fora do veículo

O Corpo de Bombeiros Militar atendeu um acidente de trânsito na SC-108, em Nova Trento, na noite desta sexta-feira (18), por volta das 21h. Segundo informações, o acidente foi um capotamento. No local, os socorristas […]

Segurança

Mulher é presa em flagrante por tráfico de drogas em SC

A Polícia Civil prendeu uma mulher de 34 anos em flagrante por tráfico de drogas. Foi na quinta-feira (17), no bairro São Francisco, em São Lourenço do Oeste. A ação foi através da Divisão de […]

Segurança

Caminhoneiro é preso suspeito de participar do roubo da própria carga

Durante o cumprimento das buscas, foram apreendidos o documento falso, R$ 18.500 e objetos que serão analisados

Segurança

Suspeito de acertar homem com facão é preso; vítima sobreviveu com a arma presa na cabeça

Nesta sexta-feira (18), a Polícia Civil cumpriu a prisão temporária de um homem por tentativa de homicídio, em Mafra. Ele é suspeito de atingir a cabeça de um homem de 59 anos com um facão.A […]

Mais notícias

Coronavírus

“Arraiá da Vacinação” atrai moradores para imunização contra a Covid-19 em Itapema

Para se vacinar é necessário ter feito o pré-cadastro no site da Prefeitura de Itapema (www.itapema.sc.gov.br) e estar com documento de identificação e cartão SUS

Geral

Dez dias após enxurrada, Camboriú volta a registrar alagamentos

Dez dias depois da enxurrada que castigou a cidade de Camboriú, o município voltou a registrar alagamentos por conta das chuvas neste sábado (19). A Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Camboriú e o […]