keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Polícia deflagra operação para apurar desvio de R$ 1,7 milhão de município do Sul de SC

Foco da operação é investigar um esquema de desvios de fundos públicos e fraudes em contratos administrativos

WhatsApp Image 2024 06 20 at 08.57.50 1 768x575 1 Visor Notícias
Foto: Divulgação

A Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de Investigações Criminais (DIC) de Laguna, deflagrou nesta quinta-feira (20) a “Operação Exspiravit”. O foco da operação é investigar um esquema de desvios de fundos públicos e fraudes em contratos administrativos que envolvem a prefeitura de Pescaria Brava e uma empresa de Laguna. Estima-se que o valor desviado alcance R$ 1,7 milhão, afetando diretamente os recursos destinados às secretarias de Educação e Obras entre 2020 e 2022.

Durante as investigações, identificou-se que um ex-agente político de Pescaria Brava colaborou com um empresário local, beneficiário de múltiplas licitações, para desviar fundos públicos para remunerar apoiadores políticos e cabos eleitorais. Além do desvio de recursos, os contratos foram superfaturados, chegando a custar até 50% a mais do que o valor dos serviços realmente prestados. Notou-se também que pagamentos indevidos foram feitos até para familiares de políticos de outras cidades, como um vereador de Joinville.

A “Operação Exspiravit”, que é a quarta fase de uma série de ações policiais, resultou no cumprimento de oito mandados judiciais, incluindo buscas e apreensões e o sequestro de bens dos envolvidos, totalizando o montante investigado. Até o momento, cinco veículos e dois imóveis foram sequestrados, localizados em Tubarão e Laguna. O nome “Exspiravit”, que significa “fantasma” em latim, refere-se ao uso de funcionários fantasmas para facilitar o desvio dos recursos públicos.

Quer receber as notícias em tempo real?

Clique aqui para entrar no nosso grupo do WhatsApp e fique sempre bem informado.

⚠ ATENÇÃO: Caso não esteja conseguindo clicar no link das notícias, basta adicionar um administrador do grupo em sua lista de contatos.

Fonte: Visor Notícias

Sobre o autor:
Carlos Eduardo
Carlos Eduardo Schneider
Carlos Eduardo Schneider é jornalista profissional (DRT/RS: 13.697) desde 2008, tendo atuado em assessorias de imprensa governamentais, de prefeituras, câmaras de vereadores e Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, além de jornal impresso e rádio do Vale do Taquari/RS. Schneider também é especialista em Comunicação e Marketing Estratégico desde 2018.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

VÍDEO: Corpo de homem é encontrado em barco em Governador Celso Ramos

O corpo foi encontrado na tarde desta terça-feira (23)

Segurança

PCSC capacita instrutores para manuseio de fuzis israelenses

Treinamento ocorreu com 20 instrutores, que serão multiplicadores sobre a utilização

Segurança

Identificados trabalhadores mortos em tombamento de caminhão em SC

Acidente aconteceu nesta terça-feira (23), entre Guaramirim e Massaranduba

Segurança

VÍDEO: Homem furta bicicleta em condomínio de Itapema

Homem teria furtado mais uma bicicleta na mesma rua e no mesmo dia

Segurança

VÍDEO: Mulher bate em homem que tentou filmar suas partes íntimas por baixo da saia

Câmera de segurança flagra momento em que mulher nocauteia homem

Mais notícias

Tempo

Quarta-feira terá predominância de sol e tempo firme em SC

Temperaturas podem chegar a 26°C em algumas regiões

Trânsito

BR-101 terá pontos de bloqueio nas próximas madrugadas, informa a PRF

Confira os dias, horários e pontos de fechamento da rodovia