keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

PF cumpre 45 mandados contra grupos que produziam cigarros clandestinos em SC

A Polícia Federal, com apoio da Polícia Civil, deflagrou na manhã desta quarta-feira (09) a Operação Estanco, que visa combater grupos criminosos organizados dedicados à prática contínua e sistemática do crime de contrabando de cigarros. […]

X
Polícia Federal/Divulgação/Visor Notícias

A Polícia Federal, com apoio da Polícia Civil, deflagrou na manhã desta quarta-feira (09) a Operação Estanco, que visa combater grupos criminosos organizados dedicados à prática contínua e sistemática do crime de contrabando de cigarros.

As investigações iniciaram em julho de 2019 e permitiram a identificação de seis diferentes grupos, inter-relacionados, especializados no fornecimento, transporte, comércio e distribuição de cigarros introduzidos clandestinamente no território nacional.

No decorrer das apurações foram efetuadas 12 prisões em flagrante, apreendidos 11 veículos e 94.030 maços de cigarros, estes avaliados em R$ 470.450,00.

Nesta manhã, são cumpridos 35 mandados de busca e apreensão e 10 mandados de prisão preventiva nos municípios de Chapecó, Coronel Freitas, Nova Itaberaba, Quilombo, Santiago do Sul e Seara em Santa Catarina, bem como no município de Francisco Beltrão no Paraná, com a participação de 133 policiais federais e nove policiais civis nesta fase da investigação.

Foi decretada judicialmente a indisponibilidade de todos os bens, direitos e ativos financeiros de 12 investigados e cinco empresas, o sequestro de bens imóveis e o arresto de bens móveis (23 veículos previamente identificados).

Nos autos do inquérito policial instaurado para completa apuração dos fatos, os envolvidos poderão ser indiciados pelos crimes de associação criminosa (artigo 288 do Código Penal), descaminho (artigo 334 do CP), contrabando (artigo 334-A do CP), organização criminosa (artigo 2º da Lei nº 12.850/13) e lavagem de dinheiro (artigo 1º da Lei 9.613/98), além de outros delitos eventualmente identificados.

Polícia Federal

Segurança

Mulher que matou filha de 41 dias de vida é condenada a mais de 18 anos de prisão em Chapecó

Segundo depoimentos, ao ser informada sobre a morte da bebê, a mãe não teria esboçado reação e não parecia nervosa.

Segurança

Tribunal do Júri condena três integrantes de facção criminosa que decapitaram rival e filmaram o crime em Florianópolis

Após matar a vítima, o grupo decapitou e enterrou o corpo na tentativa de ocultar o crime. O cadáver só foi encontrado no dia 30 de janeiro de 2019.

Segurança

Picape roubada no Paraná é recuperada na BR-101 com joias e relógios

Policiais rodoviários federais recuperaram na tarde de terça-feira (22), na BR-101 em Garuva, uma Toyota Hilux com registro de furto/roubo. Os agentes receberam a informação de que uma picape realizava manobras perigosas na rodovia. Ela […]

Segurança

Polícia recupera veículo roubado na BR-101 em Itajaí

Policiais rodoviários federais recuperaram na tarde desta segunda-feira (21), na BR-101 em Itajaí, um veículo com registro de furto/roubo. O Fiat/Mobi era conduzido por um homem de 25 anos e circulava com placas de um […]

Segurança

Rainha de festa alemã catarinense morre aos 21 anos em acidente de moto

O corpo estava caído em um barranco quando os socorristas chegaram. As circunstâncias do acidente são desconhecidas

Mais notícias

Segurança

Mulher que matou filha de 41 dias de vida é condenada a mais de 18 anos de prisão em Chapecó

Segundo depoimentos, ao ser informada sobre a morte da bebê, a mãe não teria esboçado reação e não parecia nervosa.

Geral

Após um ano do julgamento dos royalties no STF, SC ainda trava luta judicial por recursos

O indicativo de receber R$ 300 milhões correspondia apenas aos valores depositados ao Paraná, com correção monetária, mas sem juros.