keyboard_backspace

Página Inicial

Notícias Corporativas

Pequenas empresas foram as que mais migraram para a nuvem nos últimos 2 anos

Pequenas empresas estão investindo cada vez mais na digitalização de todos os processos do negócio e em como fazer isso com segurança, migrando dados para a nuvem. De acordo com um levantamento feito pela da […]

Pequenas empresas estão investindo cada vez mais na digitalização de todos os processos do negócio e em como fazer isso com segurança, migrando dados para a nuvem. De acordo com um levantamento feito pela da Sky.One, empresa na área de Tecnologia da Informação, 87% das organizações que contrataram serviços de armazenamento em nuvem nos anos de 2020 e 2021 eram de pequeno porte, com até 50 empregados.

O processo de digitalização de empresas nos últimos dois anos foi acelerado pela pandemia da Covid-19, conforme mostrou pesquisa realizada pela Fundação Getulio Vargas. Os gastos e investimentos em Tecnologia da Informação (TI) das empresas brasileiras em relação a países mais desenvolvidos, como Estados Unidos e países da Europa, ainda é inferior. Entretanto, em comparação com outros países da América Latina, os investimentos do país são superiores. Para 2022, a expectativa é que as empresas nacionais invistam 9% da receita em TI.

Para quem está investindo em migração de dados para nuvem, algumas das principais vantagens são redução de custos, melhoria da segurança das informações e maior flexibilidade, explica o consultor em Cloud Thiago Gabriel Leite Ferreira. Segundo ele, a redução de custo é um dos principais motivos do investimento em armazenamento em nuvem (também chamada na área pelo termo equivalente em inglês, cloud).

“Esse é um dos principais motivos pois permite que o setor de TI das empresas possa dimensionar facilmente os recursos de computação de acordo com as necessidades do negócio e desta forma cortar gastos desnecessários. Com a modernização para cloud, em vez de prever as necessidades de capacidade, as empresas podem ajustar rapidamente o que precisam e eliminar recursos que não são necessários naquele momento”, ressalta.

Ferreira comenta que outra importante vantagem do investimento em “modernização para cloud” é a segurança das informações, que permite às empresas utilizarem melhores práticas de proteção de dados e suas aplicações do ataque de hackers. “A nuvem permite que as empresas possam implementar políticas de segurança, governança e proteção, de acordo com o que é especificamente necessário para suas operações”, complementa o profissional, que tem mais de 18 anos de experiência na área de TI.

Maior flexibilidade – Thiago Gabriel Leite Ferreira destaca ainda uma maior flexibilidade como mais uma vantagem do investimento em modernização para cloud. Segundo ele, essa flexibilidade permite que as empresas possam aumentar ou diminuir rapidamente a sua capacidade de infraestrutura de TI, de acordo com a demanda. “Também permite que as empresas possam suprir as necessidades de recursos de uma forma mais ágil, já que a cloud permite este aumento e diminuição em um curto prazo”, informa.

Adoção de cloud pelas empresas está em ascensão em todo o mundo

Pesquisa anual realizada pela Denodo, empresa de gerenciamento e entrega de dados, mostra que o uso de cloud pelas empresas está em ascensão em vários países. Em um questionário feito com 150 organizações, 54% afirmaram estar nos níveis intermediário ou avançado do uso dessa tecnologia. Foram contatadas – via formulário online – organizações da América do Norte, América Latina, Asia-Pacífico, Japão, Europa, Oriente Médio e África (EMEA), e Região da China, incluindo Taiwan.

A pesquisa mostrou que elas passaram dar prioridade aos investimentos em nuvem à medida que começaram a enfrentar problemas globais em suas cadeias de suprimentos, viram sua segurança cibernética ameaçada e passaram a sofrer com a instabilidade geopolítica global, a exemplo da pandemia da Covid-19 e guerra entre Rússia e Ucrânia.

Outro dado revelado pela pesquisa da Denodo é que pelo terceiro ano consecutivo, a nuvem híbrida apareceu como principal modelo de implantação da tecnologia, sendo citada por 37,5% dos entrevistados. Isso significa que as empresas têm valorizado tanto seus sistemas locais quanto a adoção da nuvem. Segundo a Denodo, as empresas têm boas razões para essa escolha, entre elas, a conformidade regulatória. O gerenciamento de dados e abordagens como a malha de dados lógicos permitem que as organizações possam acomodar sistemas locais para que possam trabalhar em conjunto com sistemas em nuvem.

Entre as empresas e marcas que dominam o mercado de cloud, o levantamento mostrou que a Microsoft Azure e Amazon Web Services (AWS) continuam a dominar o mercado por uma ampla margem. Neste ano, entretanto, a AWS saltou à frente do Azure após dois anos de liderança desta empresa no mercado. Já a confiança no Google Cloud Plataform (GCP) foi abalada entre 2022. Em 2021, a plataforma foi citada em 14,9% das respostas, mas obteve apenas 8,3% neste ano. O Alibaba, por outro lado, apresentou um salto de 1,4% em 2021 para 3,6% em 2022.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Notícias Corporativas

Um quarto das cidades ainda não conta com iniciativas de coleta seletiva

Cerca de 1400 municípios ainda não apresentam nenhuma iniciativa de coleta seletiva, isso representa 1 em cada 4 cidades brasileiras. Os dados inéditos são da última edição do Panorama dos Resíduos Sólidos, publicação de referência […]

Notícias Corporativas

Gartner indica queda de 12,6% do mercado de PCs no segundo trimestre de 2022

O Gartner, Inc., líder mundial em pesquisa e aconselhamento para empresas, destaca que as remessas mundiais de PCs totalizaram 72 milhões de unidades no segundo trimestre de 2022, número que representa uma queda de 12,6% em relação […]

Notícias Corporativas

Mais de 40% dos adultos brasileiros possuem conta em bancos digitais

Os serviços financeiros digitais têm atraído cada vez mais brasileiros. Pesquisa global da Finder, consultoria em investimentos, mostrou que 42,7% dos adultos do país já possuem uma conta em banco digital. O número é 10,7% […]

Notícias Corporativas

Microfranquias crescem e ganham espaço no país

As microfranquias, modelo de baixo custo com investimento inicial de até R$ 105 mil, têm conquistado cada vez mais espaço entre os brasileiros. É o que mostra o levantamento realizado pela Associação Brasileira de Franchising […]

Notícias Corporativas

Abes: setor de TI deve crescer 14% no Brasil em 2022

Apesar de preocupantes, elementos como a inflação e a questão de este ser um ano eleitoral não devem representar um entrave para os investimentos em TI (Tecnologia da informação) no país. Segundo o estudo “Mercado […]

Mais notícias

Turismo

Tour da Experiência passa por atualização em Itapema

Roteiro propõe que o visitante vivencie as práticas locais ligadas à natureza, gastronomia e cultura

Turismo

O que fazer em Bombinhas

Quer saber o que fazer em Bombinhas? Então continue lendo que separamos as melhores atividades e lugares para você visitar na sua estadia!