keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Operação contra transporte ilegal de mercadorias aplica mais de R$150 mil em multas em dois dias

Durante os dois dias de operação, 26 notificações foram registradas, totalizando R$ 154.173,88 em multas

X
Divulgação / SEF

Auditores fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) realizaram fiscalização em trânsito, em Florianópolis, entre os dias 11 e 12 de novembro. As ações fazem parte do curso de treinamento dos novos auditores, que assumiram os cargos em agosto deste ano. Durante os dois dias de operação, 26 notificações foram registradas, totalizando R$ 154.173,88 em multas referentes ao transporte de mercadorias sem os devidos documentos fiscais.

A diretora de Administração Tributária (Diat) da SEF/SC, Lenai Michels, ressalta a importância de fiscalização perene no trânsito para combate ao transporte de mercadorias sem nota fiscal ou com subfaturamento. “Os auditores estão cumprindo seu papel de combater a sonegação e outras irregularidades, e ao mesmo passo, dando as orientações e os direcionamentos necessários aos contribuintes”, afirma.

As operações de trânsito são cotidianas e também estão sendo realizadas em outras regiões do Estado.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Mãe que abandonou bebê em geladeira é presa pela Polícia Militar

Suposta mãe da criança entregou um embrulho para vizinha, há um ano atrás, dizendo que era um pedaço de carne

Segurança

Acidente entre carro e caminhão mata casal e bebê em Santa Catarina

Segundo a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), o carro e um caminhão com placas de Ibiam bateram de frente

Segurança

Polícia Federal prende homem nos Correios de Navegantes que comprou R$ 1 mil em notas falsas

Homem confessou o crime quando foi abordado pelos policiais federais

Mais notícias

Coronavírus

Matriz de Avaliação de Risco Covid-19 aponta 13 regiões no nível moderado

Houve melhora nos indicadores das regiões Alto Vale do Itajaí, Nordeste e Oeste

Segurança

Mãe que abandonou bebê em geladeira é presa pela Polícia Militar

Suposta mãe da criança entregou um embrulho para vizinha, há um ano atrás, dizendo que era um pedaço de carne

Atendente Virtual Visor

Estou disponível, posso ajudar?

openPopup