keyboard_backspace

Página Inicial

Coronavírus

O panorama da Covid-19 no meio rural catarinense em março de 2021

Após as festas de fim de ano e o Carnaval, Santa Catarina encontra-se no seu pior momento da pandemia, com hospitais lotados

X
Foto: Divulgação Epagri/Ciram – Vineyards

A Epagri/Ciram participa do Comitê Gestor de Inteligência de Dados para o enfrentamento da COVID-19, mantendo o serviço de mapas “Vulnerabilidade Social, Redes Agrícolas e a Covid-19 em Santa Catarina” (https://ciram.epagri.sc.gov.br/index.php/mapa-covid-19/) e acompanhando a evolução dos casos no meio rural.

Na matéria publicada em 18/11/2020 (https://ciram.epagri.sc.gov.br/index.php/2020/11/18/o-avanco-da-covid-19-no-meio-rural-catarinense-apos-o-feriado-de-7-de-setembro/) foi apresentado um panorama resultante do relaxamento das medidas de isolamento social após o feriado de sete de setembro. Com o crescimento exponencial de novos casos diários em todo o estado, foi dada especial atenção ao risco do aumento no número de casos no meio rural, bem como ao risco eminente de colapso das unidades de saúde nas principais cidades do interior de Santa Catarina, caso as medidas de isolamento não fossem mantidas nos feriados e festas nacionais, com destaque para as festas de fim de ano.

Após as festas de fim de ano e o Carnaval, Santa Catarina encontra-se no seu pior momento da pandemia, com hospitais lotados, filas de espera por leitos e UTI, necessidade de transferência de pacientes para outros Estados e uma curva crescente no número de novos casos diários.

No meio urbano, desde o início da pandemia já foram cinco ondas de aumento no número de casos diários. A primeira, logo nas primeiras semanas de pandemia, foi temporariamente contida pelas medidas sociais e sanitárias, com um efetivo “achatamento da curva”, mas logo no início do outono de 2020 a segunda onda veio mais severa. Porém o Estado havia se preparado para tal e as consequências no sistema de saúde não foram tão significativas quanto a que vivemos agora em março de 2021.

A quinta onda teve início antes mesmo da recuperação das duas anteriores, ao menos até o patamar do final da segunda onda de 2020. Todos os momentos de retomada de crescimento no número de novos casos diários após a segunda onda em Santa Catarina estão associados a feriados e datas festivas (7 de setembro, Natal, Ano Novo e Carnaval), demonstrando que as medidas adotadas pelos governantes e o comportamento da população, não foram suficientes para evitar o aumento observado.

No meio rural o comportamento do aumento diário de novos casos foi mais lento e se encontra na terceira onda. Porém o reflexo dessa terceira onda já vem sendo sentido de forma mais intensa nas cidades do interior.

Se não forem adotadas medidas de contenção da disseminação do SAS-Cov2 em Santa Catarina, tanto no meio urbano quanto no meio rural, as próximas semanas serão críticas para um número cada vez maior de cidades do interior, visto que já não há capacidade de atendimento nos sistemas de saúde das principais cidades do Estado.

Fonte: Visor Notícias

Coronavírus

SC receberá mais de R$ 20 milhões para Centros de Atendimento Covid

Os recursos destinados para os 99 municípios serão para as competências financeiras de abril a junho.

Coronavírus

Vacinação contra a Covid-19 pode ser agendada de forma online em São José

No site, o cadastro está liberado para todos, porém agora o QR-Code está sendo enviado via Whatsapp.

Coronavírus

SC confirma 45 novos casos da variante brasileira e dois casos novos casos da variante do Reino Unido

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE/SC) reforça que os cuidados de prevenção à Covid-19 devem ser adotados por toda população catarinense para redução da transmissão do coronavírus.

Coronavírus

Santa Catarina ultrapassa 12 mil mortes por coronavírus

Casos de infecção pelo novo coronavírus já foram confirmados em todos os 295 municípios de Santa Catarina.

Coronavírus

Coronavírus em SC: Matriz de Risco aponta quatro regiões em estado grave e 12 em nível gravíssimo

No último boletim, divulgado em 03 de abril, apenas a região de Xanxerê encontrava-se no nível grave, as demais estavam em estado gravíssimo

Mais notícias

Economia

Consumo de gás natural em Santa Catarina cresceu 8,5% em março

Entre os setores que utilizam gás natural, o destaque no consumo foi a indústria

Cidades

Audiência Pública discute LDO e PPA em Porto Belo

A Lei de Diretrizes Orçamentárias, - LDO, estabelece as metas e prioridades da Administração Pública para o exercício financeiro seguinte, orientando a elaboração e execução do Orçamento