Sexta, 10 de julho de 2020
47 99609-9282
Brasil

24/06/2020 ás 14h39 - atualizada em 24/06/2020 ás 14h56

AdminX

Itapema / SC

Nuvens de gafanhotos também ameaçam países da África, do Oriente Médio e Sudeste Asiático
Insetos que se aproximavam do Brasil podem estar indo para o Uruguai
Nuvens de gafanhotos também ameaçam países da África, do Oriente Médio e Sudeste Asiático
X
Foto: Divulgação/Internet

Não é somente na região Sul do Brasil que a presença de nuvens gafanhotos está assustando e preocupando as pessoas. Hoje pela manhã, o Ministério da Agricultura disse que os insetos podem estar indo para o Uruguai, mas o alerta sobre a presença dos gafanhotos na fronteira com o Rio Grande do Sul permanece. A praga está há meses assolando parte da África, do Oriente Médio e Sudeste Asiático, regiões já vulneráveis.


Veja mais sobre o assunto:


Nuvem de gafanhotos muda de direção e pode ir para o Uruguai


Nuvem com 40 milhões de gafanhotos se aproxima do Brasil


A nuvem de gafanhotos deste ano é a pior na região do Chifre Africano em 25 anos e a pior no Quênia em 70 anos, segundo a FAO/ONU. A área, que já é bastante vulnerável, pode sofrer ainda mais com a falta de alimentos, aumento nos preços e outros impactos causados pela pandemia do novo coronavírus.Os gafanhotos estão se locomovendo entre a Índia, Paquistão e o Irã, além de passarem pelo Sudão, Sudão do Sul e Etiópia, que, segundo a patrulha de gafanhotos da organização, estão em alerta máximo pelas próximas 4 semanas, quando os insetos podem causar maiores danos às plantações. A ONU recomenda que as autoridades locais se preparem.


A espécie que forma as nuvens de gafanhotos na África e na Ásia é chamada "gafanhoto do deserto" e é diferente da que se prolifera nas América. O fenômeno que atinge o Paraguai e a Argentina é provocado pela espécie Schistocerca cancellata.


A ONU alerta que os gafanhotos representam uma ameaça para a alimentação da população, além dos riscos de deslocamento dos moradores de regiões rurais e potenciais conflitos.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados