keyboard_backspace

Página Inicial

Economia

Nível de intenção de investir em Santa Catarina chega ao maior patamar da história

Segundo pesquisa realizada pela Federação das Indústrias de SC (Fiesc), o índice de intenção de investimento em Santa Catarina chegou a 73,2 pontos em outubro, maior resultado já registrado na série histórica. Este foi o […]

X
Foto: Ricardo Wolffenbüttel

Segundo pesquisa realizada pela Federação das Indústrias de SC (Fiesc), o índice de intenção de investimento em Santa Catarina chegou a 73,2 pontos em outubro, maior resultado já registrado na série histórica. Este foi o sexto mês consecutivo de alta para o indicador. O índice varia de 0 a 100 pontos, sendo que valores acima de 50 pontos indicam otimismo, e abaixo, pessimismo.

O recorde na intenção de investir no Estado está relacionado com a velocidade da retomada econômica em Santa Catarina. Durante o auge de crise, as empresas precisaram se readequar, diminuindo a capacidade de utilização da indústria. No entanto, com a retomada acontecendo mais rápido do que o esperado, a situação se inverteu. De abril a setembro, a ociosidade da indústria catarinense caiu para de 50% para 18%.

Essa velocidade na retomada também tem acarretado em uma demanda maior do que as indústrias conseguem atender. Atualmente, 50,5% das empresas catarinenses não conseguem aumentar sua produção por conta da escassez de insumos. O indicador que mede a intenção para compra de matéria-prima chegou a 65,3 pontos, maior resultado da série histórica.

“A alta das expectativas e intenção de investir é consonante ao aumento do índice de confiança empresarial. A melhora desses indicadores é importante para a retomada da economia no segundo semestre, mas é importante destacar que isso só ocorrerá por meio da manutenção de um ambiente econômico favorável”, destacou a Fiesc em relatório.

Com a alta nos investimentos para atender a demanda, cresce também a perspectiva por aumento na oferta de emprego. O índice de perspectiva de emprego na indústria chegou a 60 pontos em outubro, maior resultado desde janeiro de 2019.

De acordo com o IBGE, nos últimos meses, a indústria tem liderado a criação de postos de trabalho no Estado. Somente em setembro, o setor gerou um saldo positivo de 12 mil empregos em Santa Catarina.

Fonte: Rede Catarinense de Notícias

Economia

Confiança da indústria atinge maior valor em dez anos, diz FGV

Índice cresceu 1,9 ponto de outubro para novembro deste ano

Economia

Santa Catarina gera mais de 32 mil empregos no melhor outubro da história

Santa Catarina apresenta novamente números expressivos na geração de empregos formais. O Estado teve um saldo positivo de 32.911 vagas em outubro, o melhor desempenho para o mês desde 2004, início da série histórica. Além […]

Economia

Santa Catarina disponibiliza R$ 21 milhões para minimizar os efeitos da estiagem

Os produtores rurais de Santa Catarina contam com programas especiais para o enfrentamento da estiagem. A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural disponibiliza R$ 21 milhões para essas novas linhas […]

Economia

Depois de não ter nenhum interessado, governo do anuncia mudanças na concessão do centreventos de BC

Apesar do resultado, o presidente da Santur, Leandro Mané Ferrari, ressalta que, desde que foi reaberto, em 14 de setembro deste ano, houve uma grande procura pelo edital

Mais notícias