keyboard_backspace

Página Inicial

Brasil

Motorista não pagará DPVAT pelo segundo ano seguido

Excedente de recursos cobrirá indenizações em 2022

Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Pelo segundo ano seguido, os motoristas ficarão isentos de pagar o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT). A medida foi aprovada no último dia 17 pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), órgão vinculado ao Ministério da Economia.

Segundo o CNSP, a isenção pôde ser concedida porque existe um excedente de recursos no FDPVAT, fundo da Caixa Econômica Federal que administra os recursos do DPVAT, para cobrir os prejuízos com acidentes de trânsito.

Ao ser constituído, em fevereiro de 2021, o FDPVAT recebeu R$ 4,3 bilhões do consórcio de seguradoras que formavam a Seguradora Líder para o fundo. Desde então, o dinheiro vem sendo consumido com o pagamento das indenizações.

“O CNSP tem efetuado reduções anuais sistemáticas no valor do prêmio como forma de retornar, para os proprietários de veículos, estes recursos excedentes, já tendo, inclusive, estabelecido valor igual a zero, para todas as categorias tarifárias, para o ano de 2021. Tal decisão promove a devolução à sociedade dos excedentes acumulados ao longo dos anos. Sem nova arrecadação, a tendência é que esses recursos sejam consumidos com o pagamento das indenizações por acidentes de trânsito ao longo do tempo”, informou o órgão.

O CNSP atendeu a pedido da Superintendência de Seguros Privados (Susep). O excedente foi formado com os prêmios pagos pelos próprios proprietários de veículos ao longo dos anos. Apesar de ajudar os motoristas, a medida afeta o Sistema Único de Saúde (SUS), que recebia 45% da arrecadação anual do DPVAT.

A isenção vale para todas as categorias. Caso a cobrança fosse mantida, os motoristas teriam de pagar de R$ 10 a R$ 600 para custear as coberturas do seguro obrigatório. As tarifas variam conforme o tipo de veículo e a região do país.

Fonte: Agência Brasil

Fonte: Visor Notícias

Brasil

Rio de Janeiro: Empreiteira deverá devolver R$ 660 milhões aos cofres públicos

Este é o terceiro contrato de leniência proveniente da Lava Jato

Brasil

Ministro diz que prioridade é ampliar vacinação contra Covid-19

Em entrevista ao Sem Censura, Queiroga elencou preocupações do SUS

Brasil

Chuvas colocam barragens em alerta três anos após desastre em Brumadinho

Tragédia em cidade mineira completa três anos nesta terça-feira

Brasil

Filho de Faustão, que tem 17 anos, passa final de semana com modelo de 35

João Guilherme e Schnayder Moura curtiram dias de descanso na região de Angra dos Reis

Brasil

Ministério prorroga por 30 dias custeio de leitos de UTI para covid-19

Medida abrange um total de 14.254 leitos em estados e municípios

Mais notícias

Geral

Maior investimento em transporte escolar segue com entrega de mais 40 ônibus em Santa Catarina

Mais 40 veículos de transporte escolar foram entregues pelo Governo do Estado aos municípios catarinenses em evento realizado nesta terça-feira, 25, em Palhoça. Esta é a terceira remessa realizada em cerca de um mês, desde […]

Segurança

Homem morto é levado a posto dos correios para receber pensão

A polícia disse que uma autópsia seria realizada para determinar a causa da morte do homem