keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Microsoft divulga que o Internet Explorer foi oficialmente desativado

De acordo com a Microsoft, a partir do portal R7, o Internet Explorer foi desativado no dia 15 de junho deste ano, após 27 anos de existência. O encerramento foi anunciado em 2021, apontando que […]

De acordo com a Microsoft, a partir do portal R7, o Internet Explorer foi desativado no dia 15 de junho deste ano, após 27 anos de existência. O encerramento foi anunciado em 2021, apontando que a razão é “começar do zero” com o Microsoft Edge. “O Internet Explorer (IE) foi aposentado oficialmente, está sem suporte a partir de hoje”, declarou a Microsoft. “A web evoluiu e os navegadores também. As melhorias adicionais no Internet Explorer não conseguiram igualar as melhorias gerais da web em geral, então começamos de novo”, completou. Com isso, não acontecerão mais correções ou atualizações para a versão do Explorer, com redirecionamento automático para o Edge.

Pesquisadores avançam em relação à internet quântica

Ainda sobre novidades no mundo da internet, como a internet para provedores, por exemplo, segundo trabalhos publicados na revista Nature, a partir do portal UOL, há novidade em relação à internet quântica segura, construindo uma rede rudimentar de compartilhamento a partir do transporte em três tempos. O anúncio foi realizado no dia 25 de maio deste ano.

A internet quântica é uma rede em larga escala que ligará usuários por meio de novos aplicativos e “impossíveis de serem produzidos com a web clássica”, afirma o coautor dos trabalhos publicados. Na próxima década, não há previsão de surgimento de tal internet.

Além disso, uma de suas características é o fato de que a troca de informações é feita por bits quânticos (qubits), funcionando com uma escala mais reduzida. O entrelaçamento é uma das propriedades, fenômeno estranho através de duas partículas entrelaçadas que atuam de forma idêntica, apesar da distância, como se estivessem ligadas em um fio invisível, compartilhando o mesmo estado. Um qubit em conexão é partilhado com outro e possui uma boa coordenação.

Atualmente, bits quânticos podem ser enviados por fibras óticas, mas com barreiras – o final some após certa distância. Caso seja necessário manter o entrelaçamento entre extremidades, os qubits precisam estar diretamente conectados a partir de uma “cadeia” quântica. A inovação publicada é “uma vitória para a ciência fundamental” e uma “solução do mundo real para o avanço da física quântica aplicada”, apontam os cientistas envolvidos em comentário “News & Views” publicado no estudo.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Geral

Menina de BC luta contra o tempo e precisa de R$100 mil para cirurgia

CONTRIBUA CLICANDO AQUI Uma menina de 11 anos, moradora de Balneário Camboriú, precisa de ajuda para arrecadar R$100 mil e poder levar uma vida normal. Geovana luta contra uma escoliose agressiva e dolorosa. O desvio […]

Geral

Atropelado em rally de velocidade, espectador será indenizado após amputação da perna

A recente decisão é do juízo da 2ª Vara Cível da comarca de Itajaí, na região do Vale do Itajaí

Geral

Escola de cães-guias de BC precisa de famílias socializadoras e doações

Instituto Hellen Keller completou 22 anos de atuação em Balneário Camboriú e já formou inúmeros cães-guias

Geral

Morre aos 108 anos o policial mais velho de Santa Catarina

Natural da cidade de Florianópolis, Osvaldo começou a trabalhar em 1944 e foi para a reserva em 1967

Geral

Tempestade de causou destruição no RS avança para Santa Catarina

A chuva deve permanecer em Santa Catarina até quinta-feira (18). A partir daí, a previsão é de frio intenso pelo estado

Mais notícias

Cidades

Itapema realiza audiência para apresentação da LDO 2023

A reunião aconteceu nesta segunda-feira (15/08) auditório da Prefeitura de Itapema

Cidades

Vereador Xepa pede brinquedos para crianças com deficiências nos parques de Itapema

O vereador se une à uma luta de muitas mães de filhos e filhas especiais