keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Máscaras de proteção contra coronavírus são desenvolvidas pela UniAvan através de impressora 3D

UniAvan desenvolve máscaras de proteção contra o Coronavírus utilizando impressora 3D

O Centro Universitário Avantis – UniAvan está desenvolvendo máscaras de proteção respiratória no modelo “Face Shield”, utilizando a impressão digital em 3D. O material será doado para instituições e profissionais que estão na linha de frente no combate ao Coronavírus (Covid-19), que precisam de uma proteção reforçada. O primeiro protótipo do equipamento foi confeccionado pelos acadêmicos do curso de Engenharia Mecânica no fim de março. Ao todo serão produzidas  mais de 100 máscaras. A ação conta com a supervisão do Gerente de Inovação Cassiano Canheti, do Prof. do curso de Engenharia Mecânica Dr. Júlio Cesar Berndsen e a participação da Prof. Drª Sabrina Weiss Sties, Coordenadora do Curso de Fisioterapia.

 Para a confecção das máscaras foram utilizados três materiais básicos, sendo eles: suportes pela impressora 3D utilizando polímero láctico (PLA), o visor de acetato transparente cortado na CNC Laser e o elástico de 10 mm para fixar a máscara na cabeça do usuário. O acetato utilizado no desenvolvimento das máscaras foi doado, inicialmente, pela empresa Gayplas, do município de Itajaí e depois adquirido com recursos da instituição. Segundo o Gerente de Inovação, Cassiano Canheti, o projeto é realizado em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) que também está realizando a confecção dos produtos. “O Inova UniAvan montou um guia para construção da máscara com base nos estudos da UFSC, contendo blue prints”, explicou.

De acordo com o Professor do Curso de Engenharia Mecânica, Dr. Julio Cesar Berndsen, o protótipo construído é regulamentado pela Anvisa e já está sendo produzido em diversas cidades do Brasil. “A Engenharia Mecânica da Uniavan trabalhou em produzir o melhor protótipo possível levando em consideração as condições encontradas no município e região, para assim ajudar ao máximo os profissionais da saúde na luta contra o Covid-19. Cada máscara leva em torno de 5 horas para ser produzida e nós iremos realizar estudos para aumentar essa produção”, destaca.

Para a Prof. Drª Sabrina Weiss Sties, o projeto foi pensado devido à escassez e a grande demanda dos profissionais. “No mercado existem diversos tipos de máscaras e a parte do visor é muito dura e machuca o rosto dos profissionais que estão com carga excessiva de trabalho nas UTIs dos hospitais da região. Por isso, entrei em contato com o Prof. Júlio para confeccionarmos uma máscara mais flexível, que não agrida os usuários e contribua com este trabalho”, finaliza.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Cidades

Itapema realiza audiência para apresentação da LDO 2023

A reunião aconteceu nesta segunda-feira (15/08) auditório da Prefeitura de Itapema

Cidades

Vereador Xepa pede brinquedos para crianças com deficiências nos parques de Itapema

O vereador se une à uma luta de muitas mães de filhos e filhas especiais

Cidades

Balneário Camboriú conquista a maior separação de recicláveis em sua história

Em julho de 2017, a população de Balneário Camboriú separou para reciclagem 3,4% do total de resíduos, percentual que agora chega a 8,9%

Cidades

Rede de esgoto do Estaleiro e Estaleirinho chega aos 65%

As obras de implantação da rede coletora no Estaleiro e Estaleirinho - únicos bairros que ainda não possuem saneamento, em Balneário Camboriú - iniciaram no fim do mês de outubro de 2021

Cidades

Canteiros de Itajaí vão receber mais de 100 mil mudas de flores

Os trabalhos seguem por todo o município com o objetivo de embelezar os espaços públicos

Mais notícias

Mercado Imobiliário

Evento em Florianópolis reúne especialistas para incentivar inovação na construção civil

Primeiro evento da Vertical Construtech da ACATE acontece dia 18 de agosto, das 13h às 21h, no CIA Primavera, em Florianópolis

Geral

Vidente diz que BC será destruída por catástrofe e divulga números que serão sorteados na Mega-Sena

A "vidente das estrelas" publicou as previsões em seu Instagram nesta terça-feira (16)