keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Mais da metade dos eleitores de Camboriú ainda não realizou o cadastramento biométrico

Ausência pode resultar no cancelamento do título, na impossibilidade de votar nas próximas eleições, além do bloqueio de outros direitos. Procedimento segue até o dia 7 de dezembro

X

Apenas 20.500 mil eleitores de Camboriú realizaram o cadastramento eleitoral biométrico. O número corresponde a 45% do total de pessoas votantes da cidade. Moradores que ainda não realizaram o procedimento devem agendar horário previamente no site do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (www.tre-sc.jus.br) ou por meio do Disque Eleitor (0800 647 3888), até o dia 7 de dezembro. O atendimento no Cartório Eleitoral de Balneário Camboriú e Camboriú, é de segunda a sexta-feira, das 12 às 19 horas. O serviço está localizado na Rua 2.500, nº 1.250, entre a Quarta Avenida e Avenida Marginal Leste, em BC.
 
Mais de 50 funcionários, divididos entre os guichês disponíveis, atendem diariamente os moradores. O Chefe do Cartório Eleitoral, Leonardo Marcelino de Godoy, comenta que quem ainda não realizou o cadastramento deve agendar horário para o procedimento o quanto antes. “Faltam mais de 80 mil pessoas, já que consideramos os dois municípios. Só em Camboriú são mais de 24 mil. A Justiça Eleitoral não terá condição de atender quem deixar isso para o fim do prazo. É preciso que os eleitores se conscientizem. Isso evita filas quilométricas, entre vários outros desconfortos”, ressalta.
 
Quem for realizar o cadastramento biométrico deve portar documento de identificação com foto e comprovante de residência recente. Se o comprovante estiver em nome de outras pessoas, será necessário confirmar o parentesco. Jovens com 18 anos recém-feitos devem apresentar o certificado de dispensa em incorporação para emitir o primeiro título. Durante o atendimento no Cartório, são atualizados os dados pessoais e eleitorais do eleitor, além de registrados a assinatura, a foto e as impressões digitais de todos os dedos das duas mãos.
 
Os moradores que não realizarem a biometria terão o título de eleitor cancelado e ficarão impedidos de votar nas próximas eleições. Além disso, o eleitor que não fizer o cadastramento ficará impossibilitado de tirar passaporte, fazer matrículas em universidades, assumir cargos públicos, entre outras penalidades.
 

Cidades

Câmara de Itapema comemora os 59 anos da cidade

Os últimos 10 anos na Câmara de Itapema tem sido de modernização. Investimento na estrutura física, mas principalmente em novas tecnologias

Cidades

Idoso de 64 anos serão vacinados a partir de quinta-feira (22) em Navegantes

A aplicação das vacinas acontece, como de costume, no drive-thru do Fort Atacadista, localizado na Av. Nereu Liberato Nunes, 579, no Centro, das 8h às 12h e das 13h30 às 16h30

Cidades

Porto Belo passa a apoiar Rede Feminina de Combate ao Câncer de Itapema

Em 2020, a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Itapema realizou 56 exames de mamografia digital em mulheres moradoras de Porto Belo

Cidades

Governadora e setor empresarial se unem por avanços para SC no Plano Nacional de Logística 2035

Governadora ressaltou que pretende se reunir novamente com o ministro da Infraestrutura neste mês

Cidades

Frigorífico da Grande Florianópolis aproveitava carnes vencidas em produtos processados e embutidos

A Polícia Civil de Biguaçu, na Grande Florianópolis, abriu inquérito para investigar um frigorífico que utilizava carnes vencidas em alimentos processados. O estabelecimento foi fiscalizado e autuado pela Vigilância Sanitária da cidade em uma ação […]

Mais notícias

Coronavírus

Justiça considera morte por Covid-19 acidente de trabalho

Família de motorista de Minas Gerais receberá indenização por danos morais e materiais

Geral

Porto Belo passa a apoiar Rede Feminina de Combate ao Câncer de Itapema

O prefeito Emerson Stein destaca a gratidão pelo apoio que a Rede Feminina tem dado à Porto Belo nos últimos anos