keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Justiça condena homens envolvidos em mortes por guerra entre facções rivais

Pena para um dos integrantes da fação foi de 29 anos de prisão

Dois homens foram condenados em sessão do Tribunal do Júri da comarca de Chapecó pelos crimes de homicídio, tentativa de homicídio, cárcere privado e associação criminosa armada. Um deles recebeu pena de 29 anos de reclusão; o outro teve pena fixada em 14 anos de prisão; ambos em regime fechado.

Eles não terão o direito de recorrer em liberdade e logo após o encerramento dos trabalhos retornaram ao complexo prisional aonde aguardavam pelo julgamento. Foram mais de 12 horas de oitiva de testemunhas, dos réus, e debates entre acusação e defesa, sob a presidência do juiz Jeferson Osvaldo Vieira.

Os crimes pelos quais respondiam ocorreram na madrugada do dia 19 de fevereiro de 2017. Naquela oportunidade, um homem foi morto na saída de um baile em Cordilheira Alta. De acordo com a denúncia, a vítima falou em alto e bom som que era integrante de uma facção criminosa rival daquela cujo os acusados integravam.

Esse foi o motivo de sua morte. Uma mulher que acompanhava a vítima na ocasião e assistiu ao crime foi levada, no próprio carro, a uma residência no bairro São Pedro, em Chapecó. Lá teria ocorrido o “tribunal do crime”. Os dois réus agora condenados – e mais três comparsas julgados anteriormente e igualmente apenados – decidiram pela sua morte, já que era testemunha ocular do homicídio do companheiro.

Ela então foi levada pelo grupo, no mesmo carro, até uma rodovia próxima, onde recebeu diversos disparos. Ela se fez de morta para, logo após a saída dos algozes, pedir e obter ajuda de transeuntes. E sobreviveu para contar a história. O processo tramitou em segredo de justiça. O júri popular ocorreu no último dia 6 de março.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Polícia investiga caso de mulher que morreu atropelada pelo caminhão do marido

A mulher já estava morta quando o Corpo de Bombeiros Militar chegou no local

Segurança

Pai que matou filho de dois meses é condenado em SC

Pai matou a criança porque ficou irritado com o choro do bebê

Segurança

Homem furta objetos de uma construção de Itajaí

Roram recuperados dois vasos sanitários novos, duas tampas de vaso sanitário, duas caixas para bacia acoplada e um chuveiro

Segurança

Jovem é preso por apologia ao nazismo em Porto Belo

A operação contou com o apoio da Delegacia de Investigação de Crimes Ambientais e Crimes contra as Relações de Consumo (DCAC) da DEIC/PCSC

Segurança

Homem que dizia incorporar “Madre Catarina” e cobrava por falsas cirurgias espirituais em SC é denunciado

Ele atendia dezenas de pessoas por dia, cobrando o valor de R$ 100 para fazer cirurgias espirituais e consultas

Mais notícias

Economia

11 dicas para presentear e agradar os papais sem gastar muito no Dia dos Pais

Separamos diversas opções que podem ser encontradas nas lojas do Fort Atacadista, como kits para churrasco, bebidas e itens do bazar; compras no atacarejo ainda garantem cupons para concorrer a 23 carros